Océ lança série de impressoras de grande formato ColorWave 3000

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 04/09/2018
Linha é composta por dois modelos, o 3500 e o 3700

Linha é composta por dois modelos, o 3500 e o 3700

A fabricante Océ anunciou no mercado internacional a ColorWave 3000, linha de impressoras de grande formato que inclui os modelos 3500 e 3700, ambos indicados para produção de médio volume de materiais para CAD e sinalização.

A ColorWave 3500 suporta até quatro rolos de mídia, que podem ser alternados automaticamente. Já a ColorWave 3700 pode lidar com até seis rolos e 40 tipos de substratos, para imprimir até 368m2 de pôster por dia, no modo rápido. Além disso, as máquinas vêm com a tecnologia Océ MediaSense, que calcula o espaço adequado entre a mídia e a cabeça de impressão.

As impressoras ColorWave 3000 incorporam a Océ CrystalPoint, uma combinação das tecnologias de toner e inkjet. Impressões feitas por esse mecanismo secam instantaneamente, o que permitindo o manuseio, o empilhamento e o acabamento imediatamente.

Os equipamentos da série ColorWave 3000 rodam com o software de gerenciamento Océ ClearConnect. As máquinas também contam com a Océ Publisher Select (ferramenta de visualização dos trabalhos de impressão), a Océ Print Assistant (que sugere automaticamente o modo de impressão correto ao levar em conta os requisitos das mídias).

Para o acabamento das peças impressas, a Océ recomenda a Folder Express 3011, a Océ Folder Professional 6011/6013 e a Océ Stacker Select, ferramentas que proporcionam uma solução compacta pós-impressão e oferece empilhamento automatizado para ambientes de trabalho nos quais é necessária produção mais rápida.

Fonte: Océ



Maior telão digital do mundo em Nova York

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 20/11/2014

Dispositivo tem oito andares de altura

Dispositivo tem oito andares de altura

No dia 18 de novembro, a Times Square, na cidade de Nova York, fez brilhar o maior e mais caro painel de LED do mundo. O custo para anunciantes será de 2,5 milhões dólares por mês.

Com oito andares de altura, a sinalização digital possui cerca de 24 milhões de pixels e reproduz imagens com resolução e qualidade superiores às dos melhores aparelhos de televisão disponíveis atualmente.

Harry Coghlan, presidente da Clear Channel Outdoor de Nova York, que vende veiculações no painel, declarou: "O tamanho importa em Times Square".

Diariamente, mais de 300 mil pedestres passam pelo local, onde diversas outras sinalizações comerciais fazem parte da atração.

No dia 24 de novembro, o Google tomará posse como anunciante exclusivo para a estreia de uma campanha que vai até o ano novo.

Fonte: Estadão



Caldera anuncia nova versão de software de sinalização digital

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 27/02/2014

A Caldera, desenvolvedora de softwares, lançou a versão 3.0 do Variable Display, programa de sinalização digital com o qual é possível desenvolver campanhas para restaurantes, lojas de varejo e uma variedade de comunicações internas.

O aplicativo inclui ferramentas de monitoramento remoto que provê estatísticas dos hardwares, incluindo uso e temperatura da CPU, do hard drive e da placa-mãe. Isso permite que os usuários identifiquem e resolvam problemas antes que eles aconteçam.

Terceira versão do Caldera Variable Display vem com ferramentas de monitoramento de hardwares

Terceira versão do Caldera Variable Display vem com ferramentas de monitoramento de hardwares

Outra função do software é a customização de Flash. Um algoritmo permite animações simples criadas a partir de templates e podem ser salvas no Variable Display, diminuindo complicações ao usar criadores Flash externos e pesados.

Sebastien Hanssens, vice-presidente de marketing da Caldera, declarou: "Inicialmente, o Variable Display foi concebido como meio de ajudar empresas de impressão de grande formato. Mas as atualizações transformaram-no em opção para todas as empresas de trabalham com sinalização, seja digital ou impressa".

O Variable Display 3.0 pode ser adquirido por meio dos parceiros da Caldera ou pode ser atualizado pelo painel de upgrade do próprio software.

Fonte: Caldera