Novas tintas sublimáticas Digistar T-Sonic e J-Nexter

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 06/02/2018
Novidades foram desenvolvidas pelo Grupo JK

Novidades foram desenvolvidas pelo Grupo JK

O Grupo JK, que detém as marcas Kiian Digital e J-Teck, anunciou a Digistar T-Sonic, nova tinta sublimática compatível com cabeças Panasonic, empregadas em impressoras têxteis industrial.

Segundo a empresa, a tinta se destaca devido à sua excelente confiabilidade e rapidez de secagem do papel impresso e da gama de cores maior.

Marco Girola, especialista de marketing do Grupo JK, declarou: “Estamos muito entusiasmados com a T-Sonic, pois ela é perfeitamente apropriada para explorar a alta produtividade dos sistemas de impressão avançados, ao mesmo tempo que proporciona resultados de impressão de alta qualidade”.

A marca J-Teck também apresentou a J-Nexter, tinta sublimática compatível com cabeças de última geração da Epson. Também de acordo com a empresa, o insumo oferece rápida secagem em qualquer tipo de papel e cores de alta intensidade.

O Grupo JK produz insumos com base em diretrizes, regulamentos e normas mundiais, bem como nos requisitos de conformidade das principais marcas do mercado internacional.

Fonte: Grupo JK



Mutoh lança impressora com tintas à base de resina

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 22/11/2018
VJ-1627MH emprega tintas para impressão de rígidos e flexíveis

VJ-1627MH emprega tintas para impressão de rígidos e flexíveis

A filial europeia da Mutoh anunciou no mercado internacional o VJ-1627MH, equipamento híbrido que emprega tintas exclusivas à base de resina (MP-31) e vem com um sistema especial secagem por ar quente. As tecnologias possibilitam a impressão direta em substratos rígidos e flexíveis, que secam antes de sair da máquina.

A VJ-1627MH é indicada para birôs de sinalização e instalações internas e externas. Também pode ser usada como ferramenta para gráficas que procuram uma solução digital para provas e produção de protótipos de embalagens e etiquetas.

Com 1625mm de largura, a VJ-1627MH pode rodar com resolução de 720 x 1440dpi ou na velocidade de até 12m²/h (no modo de 720 x 720dpi). Além disso, a máquina vem com interface melhorada, funções semiautomáticas de limpeza e dispositivo para medições automáticas da altura de mídia.

Para impressão de rígidos, a máquina pode ser equipada com mesas dobráveis, capazes de suportar materiais com espessura de até 16 mm e peso de até 15kg.

A VJ-1627MH vem com o conjunto de tintas CMYK e branca, vendidas em embalagens de 500ml. Os insumos podem estampar substratos rígidos (brancos, transparentes e coloridos), placas rígidas para termoformagem e mídias flexíveis, inclusive as que são sensíveis ao calor.

As tintas MP-31 são elásticas, o que as torna adequadas para aplicações de alta elasticidade, como envelopamento de carros e aplicações de termoformagem. Elas também preservam a textura dos substratos e podem durar até 2 anos sem laminação.

Fonte: Mutoh Europe



SPGPrints inaugurou centro de tecnologia de impressão digital têxtil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/10/2017
Instalações estão sediadas na Holanda

Instalações estão sediadas na Holanda

A SPGPrints, fabricante de impressoras digitais, anunciou a inauguração de um centro técnico dedicado à estamparia digital têxtil. Com sede na Holanda, o novo edifício tem 700m2 e abriga showroom e salas de treinamentos.

Segundo a empresa, o centro é um local para aprender a obter os benefícios revolucionários da impressão digital e para compreender as implicações da produção digital. O ambiente também poderá ser usado para testar novos projetos e tecidos sob condições específicas. Além disso, permitirá que a equipe de pesquisa da SPGPrints otimize as tecnologias da empresa.

O centro contém as duas impressoras têxteis da SPGPrints: a impressora Pike (de úncia passada e largura de 1.850mm) e a Javelin (que trabalha na velocidade de 40m/min e possui largura de 3,2m).

A inauguração do centro é parte de um programa de investimentos de 8 milhões de euros, que também inclui a expansão fabril da empresa, com o objetivo de dar responder rapidamente às novas demandas do setor de impressão têxtil digital.

Dick Joustra, CEO da SPGPrints, declarou: “A impressão têxtil digital está transformando a cadeia de produção têxtil, pois torna possível maior variedade de projetos, reduz prazos de entrega, diminui custos e elimina desperdícios. A abertura do centro marca nosso compromisso de impulsionar a tecnologia digital”.

Fonte: SPGPrints