Neschen lança tecido para confecção de banners

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 17/09/2013

A série de substrato Pure Color da Neschen, fabricante de mídias, ganhou um novo membro, o Samba. Trata-se de um tecido sintético que pode ser impresso e instalado em trabalhos de comunicação visual. Com superfície branca brilhante, o substrato é indicado para aplicações indoor, como banner, PDV e display.

Segundo a fabricante, a solução apresenta design econômico, que trabalha com sistemas roll up, devido à sua capacidade de permanecer plana.

De poliéster, a mídia pode ser facilmente cortada e impressa com tinta solvente, ecossolvente, látex e UV.

"O Samba é um tecido para clientes iniciantes ou para consumidores que querem um material fácil de trabalhar e que tenha a aparência do PVC", revela Tiffany Guarda, gerente de produto da Neschen Americas.

O tecido está disponível (no mercado internacional) em bobinas de 137 x 254cm e 152 x 254cm.

Pure Color Samba Fabric: novo substrato faricado pela Neschen

Pure Color Samba Fabric: novo substrato fabricado pela Neschen

Fonte: Neschen



Hollanders faz renovação em seu portfólio de impressoras têxteis

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 11/10/2015
Divisão visa facilitar e atender melhor os diferentes segmentos do mercado de impresão digital têxtil

Divisão visa facilitar e atender melhor os diferentes segmentos do mercado de impresão digital têxtil

A Hollanders, fabricante europeia de equipamentos para impressão digital têxtil, separou seu portfólio, que passa a ter uma divisão para sistemas que estampam apenas um lado do tecido (single-side) e outra para máquinas que imprimem frente e verso (double-sided).

As plataformas de impressão de um lado são indicadas a birôs de sinalização e comunicação visual, para a produção de bandeiras, banners e displays. Entre as impressoras single-side vendidas pela Hollanders estão a ColorBooster 250 (com 2,5m de largura), a ColorBooster 320 (com 3,2m) e a ColorBooster XL (com 3,5m e estrutura industrial). Essas máquinas trabalham em conjunto com equipamentos de pré e pós-impressão, como o ColorFix 320 e o ColorWash 320.

Os dispositivos com função frente e verso são recomendados a indústrias têxteis, para produção em massa de tecidos para decoração e moda. Voltados a esse público estão a ColorBooster DS 210 (com 2,1m de largura) e a ColorBooster DS 320 (com 3,2m), sistemas que já incorporam unidade de fixação de tinta no tecido.

Todos os sistemas comercializados pela Hollanders oferecem a possibilidade de estampar diretamente ou empregar tintas sublimáticas para transferência térmica.

Jacco Aartsen Tuijn, CEO da Hollanders, declarou: “Os fabricantes de impressoras digitais têxteis têm sentido a necessidade de abordar os diferentes segmentos – decoração, moda e comunicação visual – com máquinas específicas para cada um deles. Isso vai ao encontro da nossa ideia de proporcionar maior variedade de equipamentos, tintas e produtos”.

Fonte: Hollanders



Sawgrass apresentará tecnologia de sublimação em algodão

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 09/10/2018
Solução estará no estande da empresa na SGIA 2018

Solução estará no estande da empresa na SGIA 2018

A Sawgrass, fornecedora de soluções para impressão sublimática, estará presente na SGIA 2018, feira que ocorre entre os dias 18 e 20 de outubro, em Las Vegas (EUA). Além de levar seus produtos, a empresa apresentará materiais dos parceiros Chemica, ChromaLuxe, Forever, PrintLAT, Poli-Tape, Siser e Vapor Apparel.

Entre as principais soluções que a Sawgrass disponibilizará ao público da feira está a SubliCotton, que permite a sublimação de imagens em tecidos de algodão. A tecnologia foi desenvolvida em conjunto com a Forever e a PrintLAT.

Segundo a empresa, a sublimação em algodão é uma forte demanda de muitos clientes, porque trata-se de um tecido extremamente popular. Porém, o processo sublimático só funciona com polímeros e exclui o algodão. A SubliCotton vem, portanto, para mudar esse paradigma.

A Sawgrass também levará para a SGIA 2018 materiais para sublimação em tecidos escuros. São as mídias SubliTwill e SubliFlock (da Poli-Tape), SubliTex (da Chemica) e a HTV (da Siser), que trabalham com os sistemas Virtuoso HD e Virtuoso Print Manager (da Sawgrass). A empresa explica que as tintas de sublimação são semitransparentes. Por esse motivo, depois da prensagem, as cores impressas são influenciadas pela cor dos substratos. Os materiais citados foram desenvolvidos para lidar com essa particularidade do processo.

Fonte: Sawgrass