Mutoh lança solução para gerenciamento de cores

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 26/10/2014

ColorVerify e SpectroVue fazem parte da solução da Mutoh

ColorVerify e SpectroVue fazem parte da solução da Mutoh

A Mutoh, fabricante de equipamentos e softwares para impressão digital, apresentou uma nova solução de gerenciamento de cores composta pelo calibrador ColorVerify e pelo espectrofotômetro SpectroVue VM-10.

O ColorVerify foi desenvolvido para calibrar impressoras de grande formato e usa especificações baseadas na norma ANSI/CGATS TR015. O equipamento também dá suporte a outros alvos grayscale.

Segundo a empresa, o software da solução substitui a linearização no fluxo de trabalho e cria um conjunto de curvas CMYK durante a calibração da impressora. Essas curvas levam em conta as cores da mídia e da tinta para produzir uma grayscale neutra.

Quando o calibrador é usado para a criação de perfis de cores, as curvas de calibração agem como base do perfil, e mesmo que a reprodução de cores varie na produção (por motivos como mudança de tintas e mídias), as curvas registradas pelo ColorVerify rapidamente reativam o visual original no qual o perfil ICC foi baseado. Na maioria das vezes, isso evita que o operador faça um novo perfil, o que economiza tempo e dinheiro.

Fonte: My Print Resource



Case: Instalação artística em novo mercado holandês de alimentos

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/07/2014

Mercado foi apelidado de Capela Sistina de Rotterdam

Mercado foi apelidado de Capela Sistina de Roterdã

A cidade de Roterdã, na Holanda, ganhará em outubro de 2014 um novo mercado conceito especializado em produtos alimentícios. Contando com uma arquitetura peculiar, o estabelecimento, apelidado de "Capela Sistina de Roterdã", será decorado com mais de 11 mil metros quadrados de comunicação visual.

A arte que serviu de base para a instalação foi desenvolvida pelo birô TS Visuals em conjunto com o  artista Arno Coenen. Chamado de "Cornucópia", o grafismo cria a ilusão de que o observador está olhando, através da parede, para flores e alimentos que estão caindo do céu para a terra.

Estabelecimento tem onze mil metros quadrados de comunicação visual

Estabelecimento tem 11 mil metros quadrados de comunicação visual

As paredes e o teto do mercado foram cobertos por mais de quatro mil painéis de metal, que receberam impressão sublimática e revestimento brilhante, antigrafite e resistente a riscos. Muitos painéis foram dobrados para serem acomodados ao teto em forma de arco, conferindo um efeito 3D à arte.

Um dos maiores desafios do projeto foi manter o padrão de cores das imagens reproduzidas. Para tanto, o birô usou ferramentas como a Color Atlas Generator e a Spot Color Replacement do software Wasatch SoftRIP. Com o mesmo programa, a empresa realizou panelizações e nesting e adicionou marcas de corte e anotações nas imagens, para evitar confusão na hora de instalar as peças.

Fonte: My Print Resource



ColorJet apresenta nova linha de impressoras digitais têxteis

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/05/2017
Linha Softjet tem impressoras com larguras de 2,5m e 3,2m

Linha Softjet tem impressoras com larguras de 2,5m e 3,2m

A ColorJet, fabricante indiana de impressoras digitais, anunciou no mercado europeu a ampliação de seu portfólio, que passa a incluir a linha Softjet, composta por equipamentos para estampar tecidos à base de poliéster usados em peças de sinalização como bandeiras, banners, painéis, tendas, entre outras.

Com larguras de 2,5m e 3,2m, as impressoras Softjet incorporam tecnologia proprietária de jateamento de tinta regular, mesmo em condições ambientais variadas. Além disso, possuem sistema automatizado de alimentação de substratos que inclui barras de tensão para rodar produções longas. As máquinas possuem também uma barra com controle pneumático que garante tensão consistente no tecido e faz ajustes automático de acordo com o tipo de tecido utilizado.

Segundo a empresa, as impressoras Softjet são indicadas sobretudo para estampar tecidos para substituir mídias de PVC.

Fonte: Fespa