Museu londrino usa sinalização digital em mostra

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 26/11/2012

As mídias de sinalização digital já fazem parte do nosso cotidiano, não apenas em cafés e restaurantes, mas em locais como museus e galerias. Prova disso é uma recente mostra realizada no Victoria and Albert Museum, de Londres (Inglaterra).

Para a exibição "British Glamour Since 1950", o museu fez uma instalação inusitada: contou com projetores Projectiondesign F32 para apresentar imagens na parte superior das quatro alcovas do ambiente (construído na segunda metade do século XIX, o edifício conta com formas abaloadas em seu interior).

O sistema desenvolvido pela Sysco em parceria com a Electrosonic usou o software Watchout (da Dataton), para ajustar as imagens projetadas.

"As alcovas do museu têm curvaturas que produzem uma superfície de projeção incomum, por causa disso foi preciso deformar as imagens projetadas, para que elas casassem perfeitamente com o ambiente".

Para Fredrik Svahnberg, diretor da de marketing da Dataton, essa foi uma boa oportunidade para mostrar o quanto a sinalização digital pode enaltecer um local público: "Estão usando a nossa tecnologia como um meio de explorar a beleza da arquitetura", concluiu.

Uma das dificuldades da instalação foi projetar imagens nas superfícies curvas dos ambientes internos do museu

Uma das dificuldades da instalação foi projetar imagens nas superfícies curvas dos ambientes internos do museu

Fonte: ScreenMedia. Texto: InfoSign



Durst inaugura sede e abre Customer Experience Center

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 17/04/2019
Empresa conta com 700 colaboradores e 20 subsidiárias

Empresa conta com 700 colaboradores e 20 subsidiárias

A Durst, fabricante de impressoras digitais, anunciou a inauguração de uma nova sede na cidade de Brixen, na região nordeste da Itália. O prédio possui design arrojado e simboliza a mudança pela qual passa a empresa para se tornar uma provedora de soluções em ampla escala. Cerca de mil convidados compareceram à inauguração. Entre eles, Christoph Gamper (CEO e o co-proprietário), Harald Oberrauch e Christof Oberrauch (proprietários) e Peter Brunner (prefeito de Brixen). Integrado à nova construção também foi apresentado o Customer Experience Center, local com 5.700m2 onde os clientes podem interagir com as soluções Durst.

O design exterior da nova sede da Durst foi projetado pela Monovolume. Ele foi baseado em um conceito criado (mas não executado) há mais de 50 anos para sede. A arquitetura agregou novos toques e apresenta uma espécie de asa plana flutuante ao lado de uma torre de seis andares. A fachada metálica revestida possui 850 janelas luminosas multicoloridas, dispostas em forma de pixel (uma referência aos negócios da Durst).

Christoph Gamper declarou: “Este é um dia de muito orgulho na longa história de Durst. Não tememos o futuro. Pelo contrário, estamos aqui para moldar o futuro. Temos os melhores funcionários, os melhores clientes e a melhor tecnologia. Impulsionada pelo mantra da inovação, a Durst oferece soluções completas, do pixel à impressão. Aqui, em nossa sede no sul do Tirol, é onde as coisas se completam com o habitat da montanha e o objetivo de se concentrar não apenas nas máquinas, mas também nas pessoas por trás delas”.

Atualmente, a Durst emprega mais de 700 colaboradores e conta com 20 subsidiárias.

Fonte: Durst



Avery Dennison lança película adesiva sem PVC para comunicação visual

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 11/04/2017
MPI 3901 é película adesiva sem PVC

MPI 3901 é película adesiva sem PVC

A fabricante Avery Dennison anunciou a MPI 3901 Promotional Film, película adesiva sem PVC que pode receber impressão digital, sobretudo látex e UV. Segundo a empresa, ela tem basicamente as mesmas características dos vinis adesivos em termos de desempenho em aplicações promocionais de comunicação visual em paredes, lojas de varejo, exposições, entre outras.

A mídia foi desenvolvida para atender a requisitos de sustentabilidade. Por isso, é fabricada com matérias-primas que não usam ftalatos, nem plastificantes monoméricos, o que elimina problemas relacionados a descartes de halogéneos.

Além de prescindir de laminação, o filme apresenta adesivo sem solventes e removível, para oferecer adesão e remoção rápida e fácil.

Sandra Ondas, da ND Graphics, usuária das películas MPI 3901, declarou: “É um produto com bom custo-benefício e que funciona para várias aplicações. Não encolhe e é livre de PVC. Acho que é um material vencedor!”

Fonte: Avery Dennison