Mimaki lança versão 5 do RasterLink6

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/08/2016
Software RIP inclui bibliotecas de cores Pantone

Software RIP inclui bibliotecas de cores Pantone

A Mimaki, fabricante de impressoras digitais, anunciou a disponibilidade da versão 5 do software RIP RasterLink6. Entre as novas ferramentas do aplicativo estão a inclusão de bibliotecas de cores Pantone, substituição de cores por meio de medições de espectrofotômetro e suporte para criação de marcas de corte em equipamentos Fotoba.

Entre as bibliotecas de cores que integram o software estão a Pantone+ Solid Coated e a Pantone+ Solid Uncoated. As cores especiais Pantone dos arquivos são automaticamente detectadas e convertidas em padrões CMYK mais acurados. Outras inclusões foram a coleção DIC compatível com Adobe Illustrator e a seleção de cores originais Mimaki.

Outra vantagem da versão 5.0 do RasterLink6 é ela eliminar a necessidade de software de cor ao permitir a utilização de um espectrofotômetro para medir amostras impressas. Além disso, as cores usadas com frequência podem ser armazenadas na coleção, o que permite reproduções mais precisas e reduz tempo e custos. Alguns dos aparelhos compatíveis são os modelos X-Rite i1Pro e i1Pro 2.

O aplicativo também passou a oferecer a possibilidade de criar marcas de corte para máquinas Fotoba diretamente das janelas de operação do Rasterlink6. Essa nova funcionalidade simplifica a produção, permitindo que os operadores criem marcas por meio do RIP sem a necessidade de software de design adicional.

Visite o site para mais informações sobre RasterLink6 RIP e para baixar a versão 5.0.

Fonte: Mimaki



Sun Chemical lançará tintas sublimáticas Streamline TX na Fespa 2014

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 07/03/2014

Tinta para sublimação Streamline TX será a novidade da Sun Chemical na feira europeia

Tinta para sublimação Streamline TX será a novidade da Sun Chemical na feira europeia

A Sun Chemical, fabricante de tintas gráficas, estará presente na Fespa 2014, que acontece de 20 a 23 de maio de 2014, em Munique (Alemanha). Na ocasião, a empresa apresentará a Streamline TX, uma nova tinta para sublimação digital, usada especialmente em tecidos para o mercado de soft signage, que produz banners e peças de sinalização e comunicação visual.

De acordo com a fabricante, a tinta oferece cores brilhantes e pretos densos, além de impregnar no tecido de modo a não soltar do substrato, uma propriedade essencial em bandeiras, por exemplo.

Tony Cox, gerente de negócios da Sun Chemical, comentou: "O mercado de soft signage tem crescido muito nos últimos anos. Temos notado o aumento do consumo de substratos como tecidos de poliéster na comunicação visual. A tinta Streamline TX vem para agregar a esse mercado".

Na Fespa 2014, além do lançamento da tinta sublimática, a Sun Chemical exibirá outros produtos da linha Streamline, como as tintas à base de solvente ESL HPQ, Ultima HPQ e Optima HPQ, disponíveis no mercado internacional desde julho de 2012.

Fonte: My Print Resource



Serilon lança ferramenta eletrônica de medição para comunicação visual

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 11/05/2016
Spike é usada para medir áreas onde peças de sinalização serão instaladas

Spike é usada para medir áreas onde peças de sinalização serão instaladas

A Serilon, fornecedora nacional de materiais para comunicação visual, anunciou na feira Serigrafia Sign 2016 a Spike, ferramenta eletrônica desenvolvida para medir áreas de locais (externos ou internos) onde serão instalados painéis, fachadas e outras peças de sinalização.

Composta por hardware com laser, aplicativo e armazenamento em nuvem (Cloud Spike), a solução funciona em conjunto com dispositivos móveis, sendo acoplada ao smartphone por meio de braçadeira ou ao tablet por fita de alta resistência.

Com a Spike, basta ir ao local e capturar uma foto do espaço ou painel. É possível realizar ajustes de ângulos, corrigindo a perspectiva através do retângulo de alinhamento. Em seguida, a solução desenha automaticamente as medidas na foto tirada. Tais informações poderão ser usadas para criar um projeto mais adequado às operações e necessidades de instalação.

As fotos com as medições podem ser exportadas e compartilhadas como JPG, PDF, Spike File (XML) e KMZ, para clientes ou para o Cloud Spike. Ao carregar uma foto, é possível visualizar, editar, medir e descarregar a imagem por meio do browser. Também é possível acessar as fotos a qualquer momento, eliminando a necessidade de retornar ao local para medições adicionais.

O Spike é compatível com os sistemas operacionais Android e iOS, nas versões 4.4 e 8.0, respectivamente. Para operar, o dispositivo deve suportar Bluetooth 4.0.

A fornecedora destaca as vantagens da ferramenta, que pode reduzir custos, aumentar o faturamento, economizar tempo, agilizar a criação de orçamentos e proporcionar maior valor aos serviços prestados, além de determinar os equipamentos mais adequados para a produção.

Veja como a ferramenta funciona:

Fonte: Serilon