Mimaki inaugura showroom na cidade de São Paulo

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 17/11/2015
Localizado no bairro do Jabaquara, showroom tem espaço de 355 metros quadrados

Localizado no bairro do Jabaquara, showroom tem espaço de 355 metros quadrados

No dia 12 de novembro, a filial brasileira da Mimaki, fabricante de plotters e impressoras, realizou um evento para apresentar seu novo showroom na cidade de São Paulo. Com 355m², o espaço está localizado na avenida Dr. Luís Rocha Miranda, 177 (Jabaquara).

Disponível para visitação de clientes, distribuidores e parceiros, o showroom possui centro de treinamento, laboratório Color Lab, área técnica e departamento comercial e de desenvolvimento de produto. Além disso, no ambiente serão exibidas as principais soluções para os segmentos têxtil, industrial e de comunicação visual da fabricante japonesa.

Espaço está disponível para clientes e parceiros da Mimaki

Durante o evento de inauguração, a Mimaki apresentou equipamentos recém-lançados, como a SIJ-320UV (impressora UV capaz de reproduzir impressões de alta qualidade em diversos substratos) e a CFL-605RT (plotter compacta de mesa, indicada para corte e vinco). Os convidados puderam tirar suas dúvidas e avaliar amostras e equipamentos operando em condições de produção.

A inauguração ainda contou com palestras sobre sublimação, aplicações, substratos e decoração. Para encerrar o evento, foi realizada uma demonstração de envelopamento automotivo.

Evento inaugural contou com palestras e demonstração de envelopamento de carro

Fonte: Mimaki Brasil



Mutoh atualiza seu app para impressoras digitais

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 26/11/2012

O aplicativo móvel ValueJet Status Monitor (VSM), da Mutoh, fabricante de equipamentos para comunicação visual, chegou à versão 1.03. Com a atualização, o app conta agora com um novo design, além de uma função que permite controlar remotamente (e de forma mais simples) uma determinada impressora.

Dedicada aos modelos mais novos da linha ValueJet, o VSM 1.03 está disponível gratuitamente para os sistemas Android e iPhone. Com ele, através do celular, é possível verificar o status de produção das impressoras, acompanhar o processo da impressão, monitorar a quantidade de tinta disponível e ainda receber notificações de problemas — tudo em tempo real.

Após realizar a instalação do app e fazer o registro da impressora a ser monitorada, é possível verificar as informações via smartphone. Caso deseje, o usuário também pode receber os dados por e-mail.

"A Mutoh continua adicionando recursos ao VSM com a intenção de torná-lo cada vez mais amigável aos usuários", contou David Conrad, gerente de marketing da fabricante. Para ele, a tecnologia garante a otimização do trabalho de quem a utiliza. "Com o VSM, nós garantimos flexibilidade aos nossos clientes na hora de gerenciar suas impressoras e trabalhos. Com o app, o dono da impressora pode se concentrar em outras áreas de seu negócio e realizar suas tarefas com mais tranquilidade", afirmou.

Para instalar o VSM 1.03, é preciso ter sua versão 3.04.

Fabricante disponibilizou uma nova versão do aplicativo para gerenciar impressoras Mutoh

Fonte: Mutoh. Texto: InfoSign



Impressão digital ganha destaque no relatório de tendências globais da Drupa

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 07/03/2014

Maior feira de impressão do mundo, a Drupa, cuja próxima edição ocorrerá de 31 de maio a 10 de junho de 2016, em Dusseldorf (Alemanha), comprometeu-se a publicar uma série de estudos sobre tendências e mudanças no mercado internacional de impressão.

Acaba de ser lançado o Drupa Global Trends, primeiro relatório da organização, cujos resultados têm como base pesquisas realizadas com um grupo de executivos de gráficas, fornecedores e consumidores de impressão de todo o mundo.

Realizada no fim de 2013, a pesquisa contou com aproximadamente 2.500 tomadores de decisão de 119 países; 58% deles eram de gráficas, 21%, de fornecedores e 21%, de clientes finais.

O documento revela um número de tendências críticas compartilhadas por todas as regiões econômicas e por todos os segmentos de impressão.

De acordo com a Drupa, 65% das gráficas no mundo usam impressão digital

De acordo com a Drupa, 65% das gráficas no mundo usam impressão digital

O relatório confirma que há uma grande transformação estrutural em curso na indústria mundial de impressão, juntamente com a ocorrência de margens mais apertadas. Além desses, há outros pontos de grande destaque no estudo:

  • Há sinais claros de que as condições econômicas mundiais estão melhorando. Consequentemente, a indústria global de impressão planeja aumentar seus investimentos nos próximos 12 meses. A América do Norte está na liderança, pois acelerou o ritmo de grandes transformações ao investir pesado em tecnologia, TI e novos serviços. Nos países emergentes, o aumento da demanda é a razão para o crescimento;
  • A atividade de impressão está se transformando de indústria de produção em massa para ramo prestador de serviços. É evidente a demanda por novas soluções e modelos de negócios que reflitam as novas necessidades dos clientes;
  • A impressão digital está cada vez mais presente no parque gráfico. Entre os provedores de serviços de impressão, 65% usam tanto métodos convencionais quanto digitais, e um terço das gráficas comerciais obtem um quarto ou mais de suas rendas por meio da impressão digital. Mas a tecnologia convencional continua a ser um importante pilar para o setor.

O primeiro relatório da Drupa oferece uma avaliação inicial do estado atual da indústria de impressão. A fim de monitorar as tendências em curso, a pesquisa será repetida anualmente. Além disso, a Drupa publicará uma série de relatórios com insights para oferecer análises detalhadas sobre tópicos de relevância para a indústria.

A Drupa também está desenvolvendo uma pesquisa sobre os impactos da internet na indústria de impressão, que será lançado em 2014. O objetivo será apresentar os efeitos causados pelo e-commerce, marketing digital, comunicação de massa e TI. E mostrará como as estratégias e os modelos de negócios precisam ser adaptados.

Fonte: What They Think