Lojas da Lacoste investem em sinalização digital

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/01/2013

A marca de roupas Lacoste investiu pesado na comunicação visual de três de suas lojas nos Estados Unidos. Para isso, a empresa escolheu a YCD Multimedia, plataforma que controla e gerencia projeções de imagens e vídeos. Os estabelecimentos escolhidos para ter a sinalização digital foram: "Lacoste Lincoln Road", "Lacoste Soho Boutique" e "Lacoste Fifth Avenue".

Os vídeos projetados apresentam a história da empresa, que foi criada em 1933 pelo tenista René Lacoste. Neles, também são mostradas as linhas de roupas, seguindo uma cronologia da marca. Todo o conteúdo é atualizado remotamente pela própria equipe da Lacoste, que foi a responsável por desenvolvê-lo.

Lacoste e sinalização digital

Três lojas da marca receberam sinalização digital e projeções de vídeo

"Estamos muito animados por trabalharmos com uma das marcas mais famosas na indústria de vestuário", comemorou Noam Levavi, CEO da YCD Multimedia. "Estas lojas, ao utilizar meios digitais, permitem que os clientes desfrutem de um ambiente luxuoso. Isso melhora a experiência do consumidor e o valor da marca", afirmou.

"Nossa ideia era apresentar a marca e, ao mesmo tempo, falar com nossos clientes de uma forma moderna", contou Peter Wiegand, gerente de projetos sênior da Lacoste. "Para isso, precisávamos de uma solução de qualidade com a qual pudéssemos atualizar constantemente o conteúdo", completou.

Fonte: DigitalSignageToday. Texto: InfoSign



SGIA divulga ganhadores do prêmio Product of the Year 2015

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 12/11/2015
Confira a lista dos vencedores do Product of the Year 2015

Confira a lista dos vencedores do Product of the Year 2015

A SGIA, uma das entidades internacionais mais importantes de sinalização e impressão digital, realiza anualmente a Product of the Year, competição que premia equipamentos e materiais usados na indústria global de comunicação visual.

Em 2015, as avaliações do Product of the Year ocorreram entre os dias 4 e 6 de novembro, em Atlanta, nos EUA, durante a SGIA Expo. Confira a lista de categorias e seus respectivos vencedores:

- Acabamento (display para exibição de produto): VM-SHELF, da Visual Magnetics;

- Acabamento (laminadora): Kala Mistral 1650, da Rolinx Performance Products;

- Acabamento (equipamento): AES1900, da Miller Weldmaster;

- Acabamento (filme, verniz e revestimento superficial): EFI Armor, da EFI;

- Mídias (películas): VM-DRYerase MNW, da Visual Magnetics;

- Mídia (sem PVC): Cling-King Spider Mat - PN: NS-CK-SOL-WT014, da Newlife Magnetics LLC;

- Mídia rígida: Liquid Chalkboard, da Panel Processing Inc;

- Mídia (tecido para vestuário): Jennifer S/914, da Pacific Coast Fabrics;

- Mídia (tecido para bandeira): Flag Superb, da Top Value Fabrics;

- Mídia (tecido para estruturas): DD 6788 MoJo (Backlit Fabric), da Fisher Textiles;

- Mídia (vinil sensível a pressão): Gecko-grip, da Daf Products;

- Serigrafia (impressora manual de tecidos): Kruzer Manual Screen Printing Press, da M&R Companies;

- Serigrafia (impressora automática para gráficos): Oval Evolution, da Ryonet + Roq;

- Serigrafia (impressora automática para tecidos): Stryker Automatic Screen, da M&R Companies;

- Serigrafia (automação): Atmaline CL50 (para impressão de vidros), da DLP Imaging Corp;

- Serigrafia (pré-impressão): i-Image XE CTS Imaging-Exposure, da M&R Companies;

- Impressora direct-to-garment: M-Link X, da M&R Companies;

- Impressora plana ou híbrida (preço abaixo de 100 mil dólares): ValueJet 1617H, da Mutoh America Inc;

- Impressora UV plana (preço entre 100 mil e 200 mil dólares): Anapurna M2540i FB, da Agfa Graphics;

- Impressora UV plana (preço entre 200 mil e 500 mil dólares): Jeti Mira, da Agfa Graphics;

- Impressora UV plana com tinta branca (preço entre 100 mil e 200 mil dólares): EFI H1625 LED, da EFI;

- Impressora UV plana com tinta branca (preço entre 200 mil e 500 mil dólares): EFI VUTEk H2000 Pro, da EFI;

- Impressora plana de pequeno formato (para aplicações industriais e itens de decoração): UJF7151 Plus, da Mimaki USA;

- Impressora rolo a rolo solvente ou látex (com largura de impressão abaixo de 80 polegadas): HP Latex 370, da HP;

- Impressora rolo a rolo solvente ou látex (com largura de impressão acima de 80 polegadas): ValueJet 2638X, da Mutoh America;

- Impressora rolo a rolo UV (com largura de impressão abaixo de 80 polegadas): JV400SUV-160, da Mimaki USA;

- Impressora rolo a rolo UV (com largura de impressão acima de 80 polegadas): Durst Rho 312R, da Durst;

- Impressora rolo a rolo com tinta dispersa para estampar diretamente em tecidos: Durst Rhotex 322, da Durst;

- Impressora rolo a rolo sublimática para tecido: SureColor F9200, da Epson;

- Impressora sublimática para metal: Virtuoso VJ 628, da Sawgrass;

- Impressora UV híbrida ou plana para produção de alto volume: Jeti Tauro H2500, da Agfa Graphics;

- Scanner de grande formato: Colortrac SmartLF SG Series, da Paradigm Imaging Group;

- Tintas digitais: SubliJet-HD para impressoras Virtuoso SG 800, da Sawgrass.

Fonte: SGIA



Entrevista com Alexandre Keese, diretor da APS Marketing de Eventos, responsável pela Fespa Brasil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 21/09/2018
Alexandre Keese, diretor comercial da APS Marketing de Eventos e responsável por disseminar a Fespa pelo mercado brasileiro

Alexandre Keese, diretor comercial da APS Marketing de Eventos e responsável por disseminar a Fespa pelo mercado brasileiro

Embora esteja há cinco anos no mercado brasileiro, a Fespa (Federation of European Screen Printers Associations) tem um longo passado de atuação na Europa, onde se estabeleceu em 1962. Por aqui, a federação emplacou depois de ter firmado uma bem-sucedida parceria com a APS Marketing de Eventos, organizadora de uma das maiores feiras gráficas do mundo, a Expoprint.

A federação começou pequena ao agrupar um número limitado de associados de poucos países europeus. Porém, com viés expansionista, a Fespa tem uma realidade bem diferente hoje: muito além do seu continente de origem, a ela está presente na Ásia, África e América Latina por meio de 37 associações nacionais.

A proposta de ser uma comunidade global é a força motriz da Fespa, que, além de ser um núcleo de referência internacional, reinveste seus lucros no próprio mercado, com o fim de “inspirar, educar e desenvolver o setor”. Para falar mais sobre a Fespa, o InfoSign entrevistou Alexandre Keese, diretor comercial da APS Marketing de Eventos.

Keese é representante da Fespa Brasil e é responsável por transmitir os conceitos da federação ao mercado brasileiro. O executivo é também diretor do grupo PhotoPro e um renomado especialista em Adobe Photoshop. A seguir, ele fala sobre o iminente Fespa Fórum e o recém-publicado estudo global realizado pela instituição (o Print Census). Além disso, comenta sobre os planos de investimento no mercado brasileiro e convida os leitores a participar da próxima edição da Fespa Brasil. Acompanhe:

O Fespa Fórum começa em outubro. Para quem ele é dirigido? E quais serão os destaques do evento?

Alexandre Keese: O Fespa Brasil Fórum reforça o compromisso da Fespa e da APS em reinvestir no mercado. Isso quer dizer que levamos informações de qualidade para os empresários que atuam nos segmentos de impressão digital, sublimação, comunicação visual e impressão têxtil. A 3ª edição do Fórum passará por três cidades: São Paulo, no dia 4 de outubro, Rio de Janeiro, em 25 de outubro, e Curitiba, no dia 6 de novembro. As inscrições são gratuitas. Este ano, vamos focar na gestão profissional, dando ênfase a marketing e vendas, dois alicerces para empresas que buscam oportunidades reais de negócio e receita previsível. A apresentação das descobertas do Print Census também é outro ponto.

Como foi realizada a pesquisa internacional da Fespa (Print Census) sobre tendências e futuro da nossa indústria? Como foi a participação do Brasil nesse estudo?

O Print Census é um projeto que coleta e compartilha inteligência de mercado, com o intuito de dar suporte à comunidade global sobre as tendências da indústria. O Census reflete as condições encontradas por profissionais do mercado. Ele leva em conta informações de 1.405 empresas, de 102 países, que atuam no segmento de impressão digital, serigrafia, tecido, sublimação, impressão comercial e embalagens. A pesquisa é feita em todos os eventos internacionais da Fespa. A pesquisa também ganha força ao receber suporte das associações que suportam a Fespa. Os dados são compilados em parceria com a InfoTrends, uma divisão da Keypoint Intelligence.

Sobre as descobertas, foi possível reavaliar os seis tópicos destacados da edição de 2015, além de conhecer o ritmo das transformações do mercado mundial de impressão digital. Em 2018, vemos a indústria apresentando otimismo e crescimento sustentável, atendendo às necessidades dos clientes e aproveitando as vantagens da tecnologia para desenvolver novos produtos e expandir serviços.

Como está sendo o feedback do público em relação ao Fórum e à pesquisa?

A repercussão da pesquisa é extremamente positiva e poderá ser vista em primeira mão pelos profissionais brasileiros durante o Fespa Fórum. A melhor forma de buscar crescimento é com dados consistentes que possam direcionar nossas ações. Quanto ao Fórum, a fórmula foi certeira e já produz impacto positivo no mercado, motivando empresas na criação de estratégias certeiras. Ainda sobre o feedback positivo do Fórum, tivemos as inscrições para o primeiro encontro em São Paulo encerradas 15 dias antes de sua realização, o que nos motiva a ampliar a ação e expandir tal benefício para mais profissionais e empresas.

A Fespa tem como “lucro por um propósito” como mote. Como esses recursos estão sendo redirecionados para o crescimento do setor no Brasil?

A começar pelo Print Census, hoje considerado o mais importante estudo do mercado. O próprio Fórum traz um conteúdo da mais alta relevância e permite a união de nossa indústria. Temos ainda a promoção de seminários e iniciativas educacionais durante a Fespa Brasil 2019, confirmada para ocorrer entre os dias 20 e 23 de março, no Expo Center Norte, em São Paulo. Essas ações incluem o Brasil em suas análises e, mais do que isso, são patrocinadas pela APS e pela Fespa, o que garante que o “lucro por um propósito” seja uma realidade tangível.

Além do Fórum e da pesquisa, quais outras ações a Fespa está promovendo especialmente para o mercado brasileiro?

Em 2019, a APS e a Fespa seguirão sua trajetória de sucesso e apresentarão as mais recentes tecnologias, equipamentos e insumos em sua exposição, além de criar iniciativas educacionais com a missão de transformar e inovar. Isso significa que o profissional do mercado terá acesso a áreas exclusivas com demonstrações de novas tendências e aplicações de impressão digital, sublimação e estamparia têxtil.

Quando será a próxima edição da feira promovida pela Fespa Brasil?

A próxima edição da Fespa Brasil vai acontecer de 20 a 23 de março, no pavilhão Azul do Expo Center Norte, em São Paulo. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas pelo site. Aproveito a oportunidade para convidar todos os leitores do InfoSign a se cadastrar o quanto antes, pois além do acesso sem custo ao evento, eles receberão informações em primeira mão sobre todas nossas atividades e iniciativas.

A próxima edição da feira terá alguma novidade? Conte-nos sobre ela.

A próxima edição está sendo planejada com muito carinho e dedicação. Vamos levar ao público soluções inovadoras e de alta tecnologia que permitirão a otimização do tempo de produção, a redução de custos e a inovação em serviços e produtos. Além disso, durante os quatro dias de feira, o visitante tem o benefício de assistir a diversos seminários ministrados por profissionais com reconhecimento nacional e internacional.

Quero também destacar o Cambea, o melhor e maior evento de envelopamento automotivo do Brasil. A 9ª edição do Campeonato Brasileiro de Envelopamento Automotivo é motivo de orgulho para a Fespa Brasil. O ganhador terá a oportunidade de competir na final mundial do World Wrap Master Series, durante a Fespa Munique, em 2019.

Outra novidade fica por conta da Digital Printing, feira com foco no mercado de impressão digital de alta relevância, produtos customizados, personalização e baixas tiragens. É um mercado que vem ganhando cada vez mais destaque dentro do nosso universo. Ao analisar o cenário mundial, temos percebido que o mercado de impressão vem reduzindo suas tiragens, mas, ainda assim, tem ampliado seu volume de produção. Recomendamos que o leitor visite o site.


Como a Fespa Brasil se diferencia da concorrência?

A Fespa Brasil tem seu foco na impressão digital e suas mais diversas aplicações. Um exemplo é a ampliação da Ilha da Sublimação, em parceria com a Comunidade Web. Além de trazer mais soluções, ela ocupará o dobro do tamanho da edição anterior. Por seu foco no crescimento do mercado e geração de demanda de impressão, estamos atentos às necessidades e expectativas dos expositores e visitantes, com a missão de proporcionar o ambiente perfeito para geração de negócios.

Como a Fespa Europa avalia o desempenho da Fespa Brasil (da sua instauração no país até o momento)?

Desde sua primeira edição, em 2013, até hoje, temos um feedback incrível da Europa. Dentre todas as feiras promovidas pela Fespa ao redor do mundo, tenho orgulho em destacar que temos a maior concentração de visitantes por metro quadrado, desde a primeira edição. Ainda falando sobre 2013, ficamos entre os seis finalistas pelo AEO, como o mais inovador lançamento de feiras internacionais. E posso assegurar que Brasil e Europa estão trabalhando juntos, trazendo sempre novas formas de conteúdo, tecnologias e inovações para o mercado de impressão global.

Por fim: é fato que todos passamos por uma crise em função de problemas econômicos e políticos do país. Quais dicas você dá especificamente aos empresários do setor para diminuir os impactos dessa crise?

Sem dúvida, estamos passando por um momento muito difícil. Essa crise está sendo considerada a mais grave e longa da nossa história. Por outro lado, é o momento perfeito para refletir sobre os negócios, buscando aprimorar processos e se alinhar com as exigências do mercado. Pensando dessa forma, a Fespa Brasil ocorre em um momento perfeito e torna-se extremamente relevante para o sucesso das empresas e empresários. Durante os quatro dias de evento, os visitantes terão acesso ao que existe de mais moderno e inovador e vão contar com informações de alta qualidade para fundamentar suas decisões rumo ao sucesso. Reforço aqui o convite para todos: participem do Fórum e, o mais importante, já garanta sua inscrição para a Fespa Brasil 2019.