InkTec apresenta novas tintas sublimáticas da linha SubliNova G7

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 15/09/2014

SubliNova G7 é tinta sublimática compatível com impressoras com cabeças Epson

SubliNova G7 é tinta sublimática compatível com impressoras com cabeças Epson

A InkTec, fabricante de insumos para impressão digital, lançou no mercado internacional a SubliNova G7, série de tintas sublimáticas para equipamentos com cabeças Epson DX7. Com a introdução da nova linha, a InkTec pretende ampliar sua atuação no mercado de sublimação digital e estamparia têxtil.

Além da SubliNova G7, a empresa oferece as tintas Hi-Lite e Sure, que são compatíveis com cabeças Epson DX5 e TFP.

Rick Kim, gerente de marketing da InkTec, declarou: "A SubliNova G7 foi criada e testada por nossas equipes de pesquisa e desenvolvimento e por clientes da Coreia do Sul, da China e do Brasil. Esses testes serviram para confirmar o alto padrão de qualidade dos materiais".

Fonte: Output Magazine



Webinar grátis sobre comunicação visual de tecido

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 14/06/2018
EFI promove webinar no dia 28 de junho, às 10h00

EFI promove webinar no dia 28 de junho, às 10h00

Para debater a sinalização têxtil (soft signage), Ernande Ramos, diretor de vendas para América Latina da EFI, apresentará o webinar grátis “Lucrando com Comunicação Visual em Tecido”, no dia 28 de junho, às 10h. As inscrições devem ser feitas por meio de link dedicado.

Com transmissão para toda a América Latina, a palestra online terá foco nas vantagens e benefícios que fazem da sinalização digital uma das tendências mais fortes do mercado. “Durante a apresentação, falaremos sobre as perspectivas para o mercado de soft signage, as oportunidades, aplicações e passos para adicionar essa atividade aos negócios”, contou Ernande.

Tendência mundial, a impressão digital em tecidos vem conquistando o mercado pelas vantagens competitivas, como maior lucratividade e velocidade de entrega, além de ser uma solução sustentável, fácil, prática e elegante.

Fonte: EFI



Fespa Brasil Fórum encerra atividades de 2016 com sucesso

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 18/12/2016
Itinerário do fórum percorreu as cidades de Curitiba, Belo Horizonte e Rio de Janeiro

Itinerário do fórum percorreu as cidades de Curitiba, Belo Horizonte e Rio de Janeiro

Iniciativa realizada em conjunto com a Fespa e a APS Feiras, o Fespa Brasil Fórum 2016 chegou à sua derradeira fase no dia 22 de novembro, quando ocorreu a etapa conclusiva dos eventos no Rio de Janeiro.

Segundo a organização, o fórum obteve novamente o sucesso esperado e passou por três capitais: Curitiba (26/10), Belo Horizonte (09/11) e Rio de Janeiro (22/11). Em todas as cidades houve alta taxa de comparecimento do público. Também foi uma oportunidade de disseminar conhecimento e receber informações de técnicas e específicas.

As palestras abordaram temas atuais. O diretor da Fespa no Brasil, Alexandre Keese, tratou de soluções integradas dentro do mercado de impressão. O executivo destacou um estudo da Fespa que constatou o otimismo do mercado global de impressão. Características do mercado atual foram abordadas, como o aumento da procura por produtos customizados e que sejam entregues com maior rapidez em tiragens mais baixas e designs criativos.

Processos evolutivos vêm sendo incorporados nos negócios, ressaltou o especialista. Um exemplo são os dados variáveis, que incorporam esta evolução, trazendo um produto extremamente personalizado, um objetivo facilmente alcançado com a impressão digital. As baixas tiragens e os dados variáveis também mudam a forma de pensar em processos como design, armazenamento e logística.

A especialista Luciana Andrade também participou do Fespa Brasil Fórum 2016. Em sua palestra, ela destacou o novo mercado de comunicação visual e lembrou que o melhor investimento para atingir novos mercados é a mudança do pensamento das empresas, que deve apostar em novas estratégias, buscar parcerias, mudar o foco comercial do vendedor e direcionar investimentos em marketing e treinamento.

O Fespa Brasil Fórum honra o lema “Lucro por um Propósito” da Fespa, que consiste no compromisso de reinvestir o faturamento da federação na indústria de impressão digital.

Fonte: Fespa Brasil