HP apresentará nova geração de impressoras látex na Fespa Brasil 2015

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 16/02/2015

Tecnologias látex estarão em exposição na feira Fespa 2015

Tecnologias látex estarão em exposição na feira Fespa 2015

A HP, desenvolvedora de tecnologias, será uma das expositoras da Fespa Brasil 2015, feira que ocorre entre os dias 18 e 21 de março, no Expo Center Norte, São Paulo. A fornecedora destacará a geração mais recente de impressoras HP látex de grande formato.

Thiago Fabbrini, consultor pré-vendas da HP do Brasil, declarou: "A tecnologia HP Látex foi lançada em 2009. Desde então, mais de 21 mil impressoras foram instaladas no mundo. Recentemente, anunciamos a terceira geração da tecnologia HP Látex. Nela, a velocidade de impressão foi substancialmente aprimorada. Além disso, a tinta tem maior resistência a riscos nas impressões em lona e vinil, o que elimina a necessidade de laminação para materiais de curta exposição.

Entre os principais modelos da série de impressão látex estão:

HP Latex 310: com largura de 1,37m, a impressora foi projetada para espaços pequenos e fácil operação. Pode trabalhar na velocidade máxima de 48m²/h e vem com o software SAi FlexiPRINT HP Basic Edition Raster Image Processor (RIP).

HP Latex 330: com largura de 1,62m, pode trabalhar na velocidade máxima de 50m²/h e apresenta eixo de recolhimento. Vem com o software SAi FlexiPRINT HP Basic Edition Raster Image Processor (RIP).

HP Latex 360: projetada para oferecer alta qualidade com alta velocidade, a impressora tem largura de 1,62m. Trabalha na velocidade máxima de 91m²/h, inclui eixo de recolhimento e tem capacidade de criação de perfil de cores por ter espectrofotômetro embutido.

Fonte: Fespa Brasil



Caldera anuncia suporte para a impressora Océ Colorado 1640

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 20/11/2017
Océ Colorado 1640 emprega a tecnologia UVgel

Océ Colorado 1640 emprega a tecnologia UVgel

A Caldera, desenvolvedora de softwares, anunciou que o RIP homônimo passou a suportar a Colorado 1640, primeira impressora rolo a rolo de 1,6m da Canon. A empresa desenvolveu um driver específico – testado e aprovado – para rodar o equipamento que emprega tecnologia UVgel.

Segundo a empresa, o potencial da tinta UVgel pode ser plenamente realizado com o controle de cores do Caldera V11.1, versão mais recente do RIP da empresa.

Daniel Oschatz, usuário do RIP da Caldera e CEO do birô alemão Oschatz Visuelle Medien, declarou: “Ficamos encantados ao experimentar a combinação do RIP Caldera com a impressora Océ Colorado 1640. Recebemos essa impressora em meados de agosto, e estamos tão felizes que pedimos uma segunda unidade do equipamento”.

O novo driver está disponível para download para clientes tanto da Caldera quanto da Canon.

Fonte: Caldera



BG Soluções confirma presença na Fespa Brasil 2019

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 09/01/2019
Fornecedora é especializada em máquinas de corte e acabamento

Fornecedora é especializada em máquinas de corte e acabamento

A BG Soluções Tecnológicas, representante brasileira das soluções Zünd, é presença confirmada na Fespa Brasil 2019, feira que ocorre entre os dias 20 e 23 de março, no Pavilhão Azul do Expo Center Norte, em São Paulo.

Cristiano Guerra, gerente comercial da BG, declarou: “A Fespa é uma feira conhecida internacionalmente, onde grandes empresas apresentam seus produtos. O público que visita a exposição é muito qualificado, para realização de negócios e bons contatos. A mesa de corte da Zünd oferece robustez e construção sólida. É um equipamento extremamente estável e confiável. A máquina pode cortar PS, PVC, lona, adesivo, corrugados, foamboard, espumas, borrachas, tecidos, MDF, acrílico, ACM, entre tantos outros materiais”.

A Zünd também oferece soluções para o crescente e lucrativo segmento têxtil. Além da ferramenta de corte circular, a marca vende um sistema a laser que possibilita o corte de tecidos ao selar o canto do material. Segundo Guerra, há no exterior uma tendência muito forte para uso de tecidos em sinalização externa e interna. No Brasil, o executivo acredita que a adoção dos materiais têxteis tem sido mais lenta. Porém, está em crescimento.

Fonte: Fespa Brasil