HP apresenta três novos modelos de impressoras látex

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 17/05/2016
A partir de meados de 2016, HP passará a comercializar impressoras Latex 1500, 560 e 570

A partir de meados de 2016, HP passará a comercializar impressoras Latex 1500, 560 e 570

A HP, desenvolvedora de tecnologias, revelou mais três novas impressoras látex. Uma delas é a Latex 1500, que conta com largura de 3,2m. As outras duas fazem parte da série Latex 500, composta pelos modelos 560 e 570, ambas com largura de 1,6m. Segundo a empresa, as máquinas passarão a ser vendidas a partir de julho de 2016. Confira as principais características e novidades dos equipamentos.

HP Latex 560 e 570

Além de poder trabalhar na velocidade de 23m²/h (modo indoor), as impressoras HP Latex 560 e 570 apresentam um novo modo de produção, que permite a reprodução de imagens com densidade de tinta 50% maior (do que equipamentos antecessores).

Com capacidade de executar todas as tarefas na frente da impressora, como trocas de mídias e cartuchos, as impressoras também garantem maior integração com outros modelos HP Latex e maior capacidade de emulação de cores.

Entre os novos acessórios está um wiper-roller, que garante resultados de alta qualidade em mídias de baixo custo, e um ajuste automático de inclinação, para carregar rolos em um minuto ou menos. Além disso, os equipamentos contam com suporte a rolos de mídias com até 55kg e ferramenta de status para monitoramento em tempo real de produção.

HP Latex 1500

Desenvolvida com base na série HP Latex 3000, a HP Latex 1500 emprega cabeças térmicas de 1.200dpi, espectrofotômetro integrado, ferramenta de substituição automática de nozzles e sensor óptico de mídias.

O equipamento vem com uma pequena câmera para o registro preciso e automático das mídias durante a impressão, que pode ser realizada em velocidade de 74m²/h (modo produção) ou 45m²/h (modo com maior qualidade).

Outro novo recurso é o rolo que homogeniza superfícies de mídias para garantir melhor impressão em substratos de qualidade inferior, que podem causar problemas de imagem por não ter suficiente uniformidade.

A impressora também vem com cartuchos de 5 litros de tinta, dispositivo de controle de vapores gerados no processo de cura da tinta, servidor de impressão interno, ferramenta para monitoramento em tempo real e uma área de impressão com iluminação LED, para auxiliar o carregamento de mídias.

A HP ainda ressalta melhorias como a implementação de dois rolos de transporte com 1,6m cada, talhadeiras em linha, kit de impressão automática de aplicações backlit de dupla face e um dispositivo que permite fazer acabamentos nas peças impressas enquanto o trabalho ainda está em andamento.

Fonte: Fespa



Gênesis passa a vender plotters e impressoras digitais da DGI

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 28/04/2014

A Gênesis, fabricante nacional de tintas, selou uma nova parceria internacional com a DGI (Digital Graphics Incorporation), fabricante sul-coreana de impressoras digitais. A partir de agora, a empresa brasileira distribuíra no país equipamentos das linhas abaixo:

Omega

Linha de plotters de recorte com novas tecnologias, composta pelos seguintes modelos:

OM-60P

  • Largura: 589mm;
  • Velocidade máxima de corte: 1,131mm/s (diagonal).

OM-130P

  • Largura: 1,220mm;
  • Velocidade máxima de corte: 1,131mm/s (diagonal).

OM-150P

  • Largura: 1,530mm;
  • Velocidade máxima de corte: 1,131mm/s (diagonal).
Plotters da série DGI Omega passam a ser vendidas pela Gênesis

Plotters da série DGI Omega passam a ser vendidas pela Gênesis

Fabrijet

Linha de equipamentos de grandes formatos para impressão direta e indireta em tecidos. Composta pelos seguintes modelos:

FTII-1804S (Impressão Indireta – Transfer)

  • Largura: 1,80m;
  • Cabeça de Impressão: 4 cabeças Konica Minolta (CMYK);
  • Velocidade máxima: 50m²/h.

FTII-3204D (Impressão Indireta – Transfer)

  • Largura: 3,20m;
  • Cabeça de Impressão: 8 cabeças Konica Minolta (CMYK);
  • Velocidade máxima: 120m²/h.

FTII-PRO II (Impressão Direta)

  • Largura: 1,90m;
  • Cabeça de Impressão: 9 cabeças Konica Minolta (CMYK);
  • Velocidade máxima: 120m²/h.

FD-1904 (Impressão Direta)

  • Largura: 1,90m;
  • Cabeça de Impressão: 4 cabeças Kyocera (2 X CMYK);
  • Velocidade máxima: 140m²/h.

 FG-3206 (Impressão Direta)

  • Largura: 3,20m;
  • Cabeça de Impressão: 6 cabeças Konica Minolta (CMYKcLmL);
  • Velocidade máxima: 120m²/h.
Impressora de tecido DGI FTII-1804S

Impressora de tecido DGI FTII-1804S

Impressão direta e indireta de tecidos

A impressão indireta é conhecida como transfer sublimático. Com ela, é possível imprimir sobre um papel especial e, posteriormente, transferir a tinta para um tecido de poliéster. O equipamento DGI de entrada para impressão indireta é o Fabrijet FTII-1804S (para sublimação), com tecnologia Konica Minolta, 1,80m de largura, quatro cores e velocidade máxima de 50 m²/h (720 x 360dpi).

Já a impressão direta é feita sobre o tecido, e isso requer bom desempenho do equipamento para "puxar" e imprimir corretamente o tecido. Para impressão direta no tecido, há diversos equipamentos DGI com diversas larguras, velocidades, cabeças (Konica e Kyocera) e tintas (ácida, reativa e sublimática direta).

Fonte: Gênesis



Nazdar apresenta nova série de tintas sublimáticas NDT600

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 06/02/2018
Tintas são produzidas por nova tecnologia de dispersão

Tintas são produzidas por nova tecnologia de dispersão

A fabricante Nazdar anunciou no mercado internacional a disponibilidade da NDT600, série de tintas sublimáticas desenvolvidas para uso em qualquer impressora com cabeças Epson. Os insumos são indicados para estampar vestuário esportivo (uniformes para jogadores e ciclistas), bandeiras, artigos promocionais, entre outras aplicações têxteis.

Segundo a empresa, a série NDT600 substitui as tintas de corante de linhas previamente lançadas pela Nazdar. Isso porque elas são fabricadas por um processo de dispersão completamente novo.

As tintas NDT600 são vendidas em garrafas de um litro para clientes ou em bolsas de tinta de dois litros.

Chris Bailey, diretor-gerente da QPS, distribuidora das tintas Nazdar, declarou: “Desde a introdução da NDT600, convertemos impressoras sublimáticas de muitas empresas. A conversão é bastante direta e demanda pouco tempo de inatividade”.

Fonte: Fespa