Gênesis apresenta solução completa para impressão sublimática

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 29/04/2014

A Gênesis, fabricante brasileira de tintas, tem investido no fornecimento de produtos para sublimação digital. Além das impressoras da DGI, a empresa lançou recentemente as seguintes soluções:

Tintas digitais para sublimação

Linha Sublitop Micropiezo (DS.8000): tinta para cabeças Epson DX4, DX5, TFP e DX7. Indicada para impressão somente em papéis especiais tratados (resinados) para sublimação.

Linha Sublitop Micropiezo Intenso (DS.8500): tinta para cabeças Epson DX4, DX5, TFP e DX7. Indicada para impressão em papéis especiais tratados (resinados) para sublimação ou em papéis comuns de alta alvura.

Linha Sublimax (DS.9000): tinta para cabeças Epson DX4 e DX5. Indicada para impressão em papéis comuns de alta alvura ou em papéis especiais tratados (resinados) para sublimação.

Linha Sublitop Piezo 7-14 (DS.6000): tinta de fabricação própria para as seguintes cabeças: Ricoh 7pL, Seiko 12pL e Konica 14pL.

As tintas da linha Sublitop fazem parte do portfólio de solução para sublimação da Gênesis

As tintas da linha Sublitop fazem parte do portfólio de solução para sublimação da Gênesis

Linha cleaners de limpeza (DS.1000)

Composta por cleaner para sublimação (DS.1090), cleaner flush para sublimação (DS.1091) e laca de conversão para sublimação (DS.1092).

Impressoras para sublimação

Mutoh RJ-900X: emprega uma cabeça Epson DX5. Possui largura de impressão de 1,08m e trabalha na velocidade máxima de 63m²/h. Acompanha media clamp, acessório estabilizador na alimentação de mídia. Indicada para quem está começando no mercado de sublimação.

FTII-1804S: emprega quatro cabeças CMYK de tecnologia Konica Minolta. Apresenta largura de impressão 1,8m e trabalha na velocidade máxima de 50m²/h. Indicada para alta produtividade por tratar-se de um equipamento industrial.

Papéis para sublimação

Tech HD: com 50g/m² e massa celulósica composta por fibras longas de pinheiro. O material apresenta tratamento físico e superfície calandrada. Indicado para tintas Sublitop Micropiezo Intenso DS.8500.

Tech HTD: com 50g/m² e massa celulósica composta por fibras longas de pinheiro. Apresenta tratamento químico e superfície resinada (coating). Indicado para tintas Sublitop Micropiezo DS.8000.

A Gênesis oferece também os softwares RIP Wasatch e Photoprint, além de peças para impressoras Mutoh RJ-900X (cabeças Epson DX5, dampers, capstation, captop, flatcable e unidades de limpeza).

Fonte: Gênesis



Roland DG lança tintas sublimáticas fluorescentes

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 06/06/2016
Insumos foram desenvolvidos para equipamentos da linha de impressoras Texart

Insumos foram desenvolvidos para equipamentos da linha de impressoras Texart

A Roland DG, fabricante de impressoras digitais, anunciou uma nova linha de tintas sublimáticas fluorescentes. Segundo a filial brasileira da fornecedora, os insumos passarão a ser vendidos no país a partir de agosto de 2016.

Formulada especificamente para as impressoras Texart, a série fluorescente é composta por duas cores: rosa (Fp) e amarela (Fy). Combinados com as demais tintas sublimáticas originais da Roland, os insumos possibilitam a reprodução de centenas de tonalidades vivas e fluorescentes.

Os equipamentos Roland Texart são indicados para a produção de vestuários esportivos, moda, sinalização em tecido, decoração, itens promocionais, entre outras aplicações. As impressoras podem trabalhar com a Roland DG Fluor, biblioteca de cores patenteada que pode ser instalada no Adobe Illustrator ou no CorelDraw. De acordo com a empresa, o dispositivo permite que, com um simples clique na cor desejada da paleta, sejam incorporadas na produção cores fluorescentes, brilhantes e pastéis.

Yuko Maeda, presidente de desenvolvimento de mercado para a divisão de impressão digital da Roland DG, declarou: “Há uma crescente demanda para produções personalizadas ou de pequenas quantidades no mercado de decoração têxtil. Acreditamos que com a adição das tintas fluorescentes, aumentaremos não apenas a versatilidade das nossas impressoras Texart, mas também ampliaremos as possibilidades de impressão em tecidos para nossos clientes, especialmente para vestuários esportivos e moda”.

Fonte: Roland DG



RIP da ColorGate chega à versão 8.10

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 14/07/2014

Novas ferramentas foram incorporadas ao RIP Colorgate 8.10

Novas ferramentas foram incorporadas ao RIP ColorGate 8.10

A ColorGate, desenvolvedora de softwares, anunciou a versão 8.10 dos aplicativos Productionserver, Filmgate, Plategate e Proofgate, que apresentam os seguintes itens aperfeiçoados:

Adobe PDF Print Engine (APPE) 3.3
Função com maior capacidade para processar cores especiais. Além disso, ajuda a aumentar a velocidade do RIP e a compatibilidade de formatos de arquivos digitais.

Container+

A função "arrastar e soltar" foi melhorada. A janela de diálogo foi redesenhada para dar um panorama mais rápido dos trabalhos em produção.

Support Helper

Função que ajuda os usuários ao encurtar o processo de responder e resolver problemas técnicos. Dentro do software RIP, a função Support Helper oferece acesso mais rápido à área de suporte da  ColorGate, ao TechBlog e ao sistema web da empresa.

Media and Light Profiler Module (MLPFM)
Permite alterar dados de cores e iluminantes de perfis ICC já existentes. Assim, é possível considerar outros substratos e especificações de iluminação. Além disso, o MLPFM permite o ajuste do perfil em termos de iluminantes (D50, D55, D65, Iluminante A e Tungstênio).

Trim Nesting Module (TNM)
Gerencia a localização automática de vários trabalhos na área de impressão e adiciona marcas de cortes (para acabamento).

Drivers

O Productionserver 8.10 recebeu o certificado para as novas impressoras HP DesignJet-Z5400 e HP Látex 310, 330 e 360. O software oferece três métodos de criação de perfis de cores (ICC) para essas máquinas:

  • por meio de dispositivo de medição interno;
  • por meio de dispositivo de medição interno em combinação com o Profiler Module (PFM);
  • por meio de dispositivo de medição externo em combinação com o Profiler Module (PFM).

Fonte: Colorgate