Fujifilm inaugura fábrica de tintas digitais

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 28/01/2013

A planta tem 1800 metros quadrados

A planta tem 1800 metros quadrados

Tradicional fabricante de insumos para impressão digital, a Fujifilm acaba de anunciar a inauguração de uma nova planta em Broadstairs, no Reino Unido. Segundo a empresa, foram gastos mais de quatro milhões de euros para o planejamento e desenvolvimento da construção, além de um adicional de dois milhões e meio de euros para a atualização do departamento de pesquisa e desenvolvimento da fábrica. Ao todo, foram dois anos para a implementação do projeto.

O novo edifício tem 1800m2 e foi construído para aumentar em 56% a produção anual de tintas da empresa, para atender às novas demandas do mercado, que está migrando cada vez mais dos sistemas analógicos (serigrafia, por exemplo) para os digitais.

A fábrica tem a capacidade de produzir seis mil toneladas anuais de tinta, que depois é embalada e vendida em frascos, bolsas ou cartuchos, dependendo do modelo de impressora no qual ela será utilizada.

Mais de 340 empregados trabalham na planta e 80% deles estão envolvidos com pesquisa e desenvolvimento de tintas digitais.

Mais de 340 empregados trabalham na nova fábrica da Fujifilm

Mais de 340 empregados trabalham na nova fábrica da Fujifilm

Colin Boughton, diretor de operações da Fujifilm, comentou: "Nós planejamos tudo meticulosamente, levando em conta a nossa liderança na tecnologia de tintas digitais. Precisávamos ter equipamentos de ponta para garantir uma produção de alto nível, além de ter de aumentar o nosso volume".

Segundo a empresa, todo o projeto faz uso de métodos e processos produtivos que reduzem impactos ambientais. A fábrica emprega, por exemplo, uma caldera que consome 40% a menos de combustíveis fósseis que os sistemas mais convencionais de aquecimento.

Além disso, apenas 7% dos refugos gerados pela fábrica vão para aterros; 23% do lixo retorna como combustível. O restante, 70%, é reciclado. Isso significa que 93% do lixo é reusado de alguma forma.

A fábrica é certificada nas normas ISO 14001 e ISO 9001. E no meio de 2013, a empresa promete a certificação OHSAS 18001, voltada para saúde e segurança no trabalho.

Fonte: Fujifilm. Texto: InfoSgin



Orafol apresenta dois novos filmes de poliéster

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 30/08/2017
Orajet 3350 e o 3301F podem ser usados em aplicações de sinalização comercial

Orajet 3350 e o 3301F podem ser usados em aplicações de sinalização comercial

A fabricante Orafol anunciou no mercado internacional o Orajet 3350 e o 3301F, filmes de poliéster indicados para criar um impacto visual superior em peças de sinalização e ponto de venda e aplicações no mercado de personalização.

O Orajet 3350 é indicado sobretudo para a produção de adesivos, gráficos de janelas, etiquetas e rótulos de identificação. Disponível nas cores cromo e ouro, a película possui um revestimento superficial especial para receber impressão digital. A versão dourada é colorida em ambos os lados.

O Orajet 3301F também é um filme cromo, porém é indicado especificamente para etiquetas. Também está disponível em cromo escovado e pode receber impressão digital solvente, UV e látex.

Fonte: Orafol



Imprimax anuncia novos vinis adesivos antiderrapantes

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 06/07/2015

Mídias coladas ao chão podem ser usadas como diferencial em campanhas e ações promocionais

Mídias coladas ao chão podem ser usadas como diferencial em campanhas e ações promocionais

A Imprimax, fabricante nacional de mídias para envelopamento e comunicação visual, passou a vender uma nova linha de vinis antiderrapantes.

Os substratos estão disponíveis em três opções e são compostos por frontal de PVC monomérico calandrado texturizado de 140 micra, cola acrílica aquosa permanente com super tack e liner de papel couché de 140g/m2. Segundo a empresa, a durabilidade dos vinis é de até dois anos quando aplicados em ambientes externos.

A linha de películas antiderrapantes da Imprimax é indicada para comunicação visual, decoração de ambientes, laminação fria, sinalização, recorte eletrônico e corte/vinco.

Vendidos em bobinas de 1,52m x 50m, os vinis podem receber impressão digital (ecossolvente, solvente, UV e látex), serigráfica (UV e convencional), flexográfica (UV) e offset (UV).

O lançamento da linha completa de vinis antiderrapantes faz parte da série de mais de 150 novos produtos recém-anunciados pela Imprimax.

Fonte: Imprimax