Fujifilm Dimatix apresenta nova cabeça de impressão

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 06/03/2015

Samba é cabeça de impressão com 2048 nozzles

Samba é cabeça de impressão com 2048 nozzles

A Fujifilm Dimatix, fabricante de peças para impressão inkjet, anunciou o lançamento da Samba, cabeça de impressão com 2048 nozzles por módulo, resolução nativa de 1200dpi e capacidade de disparar gotas com volumes que variam de 2,4 a 13,2 picolitros.

A cabeça pode disparar diversos fluidos à base d’água e de cura UV e apresenta largura de 43mm, portanto, pode compor barras de impressão de larguras variadas, para aplicações de alta qualidade como impressão comercial, têxtil e de embalagens

Com placa de nozzle em forma de paralelogramo, a Samba realiza recirculação contínua de tinta e possui tecnologia RediJet, que permite que a cabeça seja rapidamente preparada, o que aumenta a velocidade de impressão e diminui resíduos de tinta.

Outro diferencial da peça é a tecnologia VersaDrop, que permite o trabalho com pontos variáveis ou fixos.

A cabeça Samba pode ser empregada por fabricantes de impressoras digitais, em regime OEM.

Fonte: Fujifilm Dimatix



Durst Brasil investe em centro de reparos

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/12/2015
Repair Center no Brasil é único fora da sede da Durst, na Itália

Repair Center no Brasil é único fora da sede da Durst, na Itália

A filial brasileira da Durst, fabricante de impressoras digitais, criou um centro de reparos de equipamentos para o segmento cerâmico. Com operação em Campinas, trata-se do único centro de manutenção fora da sede da Durst, na Itália. O principal objetivo do serviço é poder restaurar localmente os módulos de impressão das máquinas avariadas, o que representa economia significativa para os clientes.

Guilherme Poggianelli, gerente nacional de serviços da Durst Brasil, declarou: "Anteriormente, era necessário enviar as cabeças para a Itália, para que fossem reparadas. Isso gerava um custo muito alto, uma vez que estamos falando de um processo de exportação para reparo e importação do mesmo item, sem mencionar os custos envolvidos nos prazo. Com o Repair Center, além de o trabalho ser realizado localmente, com peça nacionalizada e mão de obra local, também há a agilidade. Isso representa menos tempo de máquina parada, e, por consequência, menor comprometimento da produtividade dos clientes. Dependendo de onde o cliente está localizado, em dois ou três dias ele tem o módulo de impressão recuperado".

Os problemas nas cabeças de impressão podem ser de caráter obstrutivo (nozzles) ou eletrônico (placas). Cerca de 10% dos módulos recebidos pelo centro de reparos voltam a trabalhar normalmente após a limpeza.

Uma vez detectado o problema, envia-se o orçamento para o cliente. Em seguida, o módulo segue para reparo, troca de peça ou componente. Depois, o módulo é testado e segue para os processos de alinhamento. Posteriormente, ele é testado novamente, realinhado e devolvido ao cliente com os devidos testes impressos.

Atualmente, o Brasil é o terceiro mercado mundial para Durst no segmento de impressão digital em cerâmica. Para sustentar esse posto, a empresa reestruturou sua atuação, mantendo equipes de venda e suporte em mercados estratégicos nas regiões de Santa Catarina e Rio Claro (ambos grandes polos cerâmicos no Brasil), além do escritório central em Campinas e da equipe comercial em São Paulo.

Fonte: Durst Brasil



Como criar rótulos personalizados de cervejas artesanais

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 31/01/2017
Saiba, passo a passo, como personalizar rótulos de cervejas artesanais

Saiba, passo a passo, como personalizar rótulos de cervejas artesanais

A impressão digital oferece vantagens como a produção de pequenas tiragens de material personalizado - um recurso que pode ser empregado criativamente em diversos ramos e negócios. Empresas dos setores de eventos e bebidas, por exemplo, têm se beneficiado desta ferramenta para gerar lucro e agregar valor a seus serviços, como distribuição de vinhos especiais e cervejas artesanais, que demandam rótulos únicos e sazonais.

Se você pretende executar trabalhos como estes, o passo a passo a seguir, realizado pela equipe da Mimaki Brasil, mostra como personalizar rótulos aplicados em cervejas artesanais. Para tanto, foram utilizados uma impressora de grande formato UV LED SIJ-320UV, um rolo de BOPP (que pode ser branco ou transparente), uma plotter de recorte CG-130SRIII e uma garrafa de vidro. Com os equipamentos acima, é possível realizar a impressão de 1.872 rótulos por hora (na resolução 600 x 600dpi, 8P) e o recorte de 2.448 rótulos por hora, no formato de 8cm x 8,5cm. Acompanhe:

Em um software de design (como o Illustrator), crie a arte conforme o molde do produto final. Insira a marca de corte e de registro
Insira o arquivo no software RIP da Mimaki, o RasterLink6
Clique em “Qualidade” para configurar a resolução e insira o número de passadas. Recomenda-se empregar resolução de 600 x 600dpi, 8P e modo 4 cores
Selecione “Ripar e Imprimir” e inicie a impressão
Imprima o arquivo
Abra novamente o arquivo no software gráfico, desabilite a marca de registro e a camada impressa e clique na ferramenta do Fine Cut
No Fine Cut, clique em “Register Mark” e, em seguida, no “Detect Mark”
Insira o material na plotter de recorte, verifique a leitura da marca de registro e recorte os rótulos
Destaque o rótulo
Realize a aplicação
Produto finalizado