Feira Serigrafia Sign (FuturePrint) 2018 reuniu 36.800 visitantes

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/08/2018
Dezenas de milhares de profissionais visitaram a 28ª edição da feira

Dezenas de milhares de profissionais visitaram a 28ª edição da feira

A Informa, organizadora da feira Serigrafia Sign, anunciou que 36.800 pessoas visitaram a 28ª edição do evento, que em 2019 passará a se chamar FuturePrint e será realizado entre os dias 10 e 13 de julho, no Expo Center Norte, em São Paulo.

Ainda de acordo com a organizadora, a feira reuniu 600 marcas dos segmentos de serigrafia, sublimação, sinalização, impressão digital têxtil, grandes formatos, brindes e personalização. O evento também proporcionou mais de 100 horas de conteúdo técnico em palestras e workshops, como a Serigrafia em Ação, o Circuito de Impressão Digital Têxtil, o Fórum Serigrafia Sign e o DecorExpress.

A parceria com as entidades também mobilizou os participantes. A Sala de Crédito reuniu Fiesp, Abigraf e Sindigraf e ofereceu programas especiais de financiamentos para a aquisição de equipamentos, matéria-prima, entre outros investimentos. No mesmo espaço, as entidades e o Sebrae organizaram o Ciclo de Palestras Temáticas.

A novidade da edição de 2018 foi o anúncio da nova marca. Liliane Bortoluci, diretora da exposição, declarou: “A nossa feira está muito conectada com os setores que representamos e também com os participantes. Identificamos que precisávamos mudar para evoluir, por isso adotamos o nome FuturePrint. Desta forma, partimos para uma linguagem única que agrega diferentes mercados”.

Essa edição da Serigrafia Sign também contou com uma rodada negócios que potencializou o contato e networking entre expositores e compradores dos segmentos de impressão e comunicação visual. Em duas horas, foram realizadas 204 reuniões, que movimentaram aproximadamente 8 milhões de reais, com a presença de 34 empresas interessadas em adquirir soluções, máquinas e equipamentos de 10 expositores da feira.

Fonte: Informa



Alko inaugura fábrica de películas autoadesivas

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 04/05/2015

Planta fica situada em Guarulhos, em São Paulo

Planta fica situada em Guarulhos, em São Paulo

A Alko, fabricante nacional de películas plásticas, inaugurou recentemente uma nova unidade industrial, situada em Guarulhos, na Grande São Paulo. A planta tem 7.500m2 e é dedicada à produção de vinis adesivos da marca Alltak, voltados para comunicação visual e envelopamento de carros.

Segundo a empresa, a fábrica conta com novos equipamentos, processos produtivos reformulados e colaboradores capacitados. Além disso, apresenta sistema de controle de qualidade, prioriza políticas de sustentabilidade e desenvolve novos produtos.

A decisão de ampliar as instalações para a linha Alltak foi tomada para aumentar a produção e atender a demanda do mercado brasileiro.

Dentro da fábrica, a Alko também criou uma usina de reciclagem, que processa aparas e materiais comprados de outras empresas, a fim de transformá-los em novos produtos. O resultado é uma economia anual de mais de 1.800 toneladas de insumos.

Fábrica é totalmente dedicada à produção de adesivos para comunicação visual

Fábrica é totalmente dedicada à produção de adesivos para comunicação visual

Fonte: Alltak



InfoTrends lança estudo sobre o mercado de estamparia digital

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 21/01/2013

Infotrends faz estudo sobre estamparia digital

A InfoTrends, empresa de consultoria para a indústria de impressão, concluiu um novo estudo voltado ao segmento de estamparia digital. Chamado "Transforming Textile Printing" (Transformando a Impressão Têxtil), a análise explora questões sobre demanda e tendências, além de enfatizar as características das empresas envolvidas na cadeia produtiva desse mercado.

Segundo o estudo, o potencial da impressão digital no mercado têxtil é bastante promissor. Isso se deve à introdução de equipamentos de altíssima velocidade e que também permitem trabalhar com diversos tipos de tintas.

A indústria têxtil global está avaliada em aproximadamente um trilhão de dólares. Desse todo, o InfoTrends estima que a parcela que utilizada a estamparia digital (para vestuário, decoração e produtos industriais) é de 10,3 bilhões (em 2012), ou menos que 1,5% de todo o mercado têxtil.

Apesar do segmento de estamparia digital ainda ser pequeno — se comparado com a indústria têxtil como um todo —, ele vem crescendo expressivamente e, de acordo com o InfoTrends, as receitas de vendas de tintas e equipamentos voltados para esta finalidade deve ter um crescimento anual de cerca de 30%.

Segundo a consultoria, as principais tendências que estão impulsionando este crescimento incluem a tecnologia de impressão de alta qualidade, a disponibilidade de soluções com preços mais baixos (que permite a entrada de novas empresas no mercado) e sistema aberto de cabeças de jato impressão, que permite o uso de tintas de vários fornecedores diferentes.

O estudo cobre os seguintes itens:

  • Fornecedores de sistemas de impressão digital e fabricantes de cabeças de impressão;
  • Fornecedores de tintas digitais e os tipos de tintas;
  • As fibras e os tecidos utilizados na impressão têxtil;
  • Sustentabilidade na impressão digital têxtil.

O estudo é baseado em entrevistas com empresas de toda a cadeia produtiva da estamparia digital. Ao todo, o InfoTrends realizou 67 entrevistas com empresas na China, Índia, Estados Unidos e Itália.

O documento, porém, custa 16,995.00 dólares. O interessado pode acessar mais informações na página especialmente criada para o estudo.

Fonte: InfoTrends. Texto: InfoSign