Feira Serigrafia Sign 2018 abre inscrições

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 19/03/2018
Em 2018, feira chega à sua 28ª edição

Em 2018, feira chega à sua 28ª edição

O interessado em visitar a feira Serigrafia Sign já pode se inscrever para a edição de 2018. O evento é dirigido aos profissionais que atuam em impressão digital, serigrafia, sublimação, envelopamento, estamparia e sinalização. A feira ocorre entre os dias 25 e 28 de julho, no Expo Center Norte, São Paulo.

Os visitantes que fizerem suas inscrições até 18/5 receberão suas credenciais por correio no endereço informado no cadastro. Para aqueles que efetuarem após essa data, a retirada da credencial deverá ser feira durante o evento, no atendimento de pré-credenciados.

Além da exposição de soluções tecnológicas, a feira oferece atrações gratuitas com conteúdo relevante, como o Fórum Serigrafia Sign, o Serigrafia em ação, o Circuito de Impressão Digital Têxtil, o Fórum do Acrílico, entre outros.

Liliane Bortoluci, diretora da feira, declarou: “Esperamos um público de cerca de 36 mil visitantes em busca de reciclagem, novas tecnologias e tendências. As oportunidades durante os quatro dias de feira são infinitas”.

Fonte: Serigrafia Sign



Roland DG lança impressora VersaUV LEF-20

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 17/02/2014

LEF-20 complementa a linha de impressoras UV desktop da Roland

LEF-20 amplia a linha de impressoras UV desktop da Roland

A Roland DG, fabricante de equipamentos digitais, lançou no Brasil a LEF-20, impressora UV de mesa indicada para empresas de brindes, como canetas, pen-drives, capas de celular, cases para tablets, componentes de equipamentos, artigos eletrônicos, entre outros materiais. A impressora faz parte da VersaUV LEF, linha de máquinas que imprime diretamente sobre uma ampla variedade de substratos e objetos 3D.

A máquina oferece uma área de impressão maior (quase o dobro do modelo anterior, LEF-12), o que permite o trabalho em objetos de até 508mm de largura, 330mm de comprimento e 100mm de altura.

Além de apresentar área expandida de impressão, a máquina emprega lâmpada UV LED. Isso aumenta a produtividade e melhora o desempenho do equipamento e da cura. Graças a esse sistema, que seca instantaneamente a tinta durante a impressão, é possível imprimir materiais rígidos (PET, ABS, policarbonato e PS) e flexíveis (couro e tecido).

A lâmpada LED UV (de baixo calor) e as tintas ECO-UV permitem a impressão em vários substratos tratados e não tratados, incluindo dispositivos eletrônicos e plásticos sensíveis a calor, sem o risco de causar danos a eles.

Impressão

A LEF-20 apresenta a tecnologia Roland Intelligent Pass Control, que permite a impressão de gradações tonais suaves e cores sólidas em reproduções de imagens e textos nítidos.

A impressora oferece dois modos de impressão: Generic (para detalhes em superfícies planas) e Distance (para objetos em que a superfície não é nivelada).

Além disso, a LEF-20 apresenta uma configuração especial de tintas ECO-UV, que inclui branco e verniz, permitindo a produção de materiais com acabamento (brilhante ou fosco) e impressões em relevo com várias camadas.

O equipamento também conta com 72 padrões de texturas prontos e facilmente incorporados a qualquer design. Com ele, é possível criar efeitos de alto valor, atraentes e exclusivos.

Desempenho

Equipada com lâmpadas LED UV de longa vida útil (até 10 mil horas), a máquina não precisa aquecer, o que a torna mais eficiente e fria ao toque. A impressora ainda dispõe de uma tampa hermeticamente fechada, que protege o operador contra a luz UV e evita que sujeira caia sobre a superfície do substrato durante a impressão.

Próximo à cabeça de impressão da LEF-20, há um ventilador cuja função é soprar a névoa de tinta para um filtro. Trata-se de um sistema que coleta resquícios de tinta e evita embaçamento de cores e impressão fora das bordas. O filtro pode ser facilmente substituído pelo usuário.

Com o objeto 3D inserido na máquina e com a função de ajuste automático selecionada, a LEF-20 começa a mover a mesa (para frente e para trás) até que sua superfície atinja a altura adequada para a operação. Essa função ajuda a manter a produção de cópias de qualidade por conta do ajuste automático da distância entre a cabeça de impressão e a superfície do material.

Fonte: Roland DG Brasil



Kornit apresenta nova impressora têxtil industrial

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 04/07/2016
Vulcan pode estampar 250 peças por hora

Vulcan pode estampar 250 peças por hora

A fabricante Kornit lançará oficialmente a Vulcan, impressora digital para estamparia têxtil, entre os dias 11 e 29 de julho, em sua fábrica nos EUA, durante um open house dedicado a clientes interessados em customizações em massa executadas por equipamentos direct-to-garment (DTG).

O protótipo da Vulcan foi apresentado aos visitantes da feira ITMA 2015. Depois de receber aperfeiçoamentos, a máquina passará a ser comercializada a partir do terceiro trimestre de 2016.

Segundo a empresa, a Vulcan é capaz de produzir 250 peças por hora (roupas claras ou escuras) e de rivalizar com a serigrafia em produções de médios e grandes volumes, pois opera em alta velocidade em função de suas 60 cabeças de impressão com sistema de recirculação de tinta.

Com configuração de seis cores e branco, a máquina emprega o processo patenteado NeoPigment e tintas originais à base d’água, que podem estampar em uma variedade de fibras naturais, sintéticas e mistas. Os insumos serão vendidos em garrafas de 4 litros. Após a impressão, as peças de vestuário são curadas com um secador de ar quente.

Também de acordo com a Kornit, a Vulcan, quando comparada a outros sistemas da própria Kornit, pode reduzir o custo por impressão em até 40%. Além disso, atende trabalhos com peças de várias dimensões, mas com tamanho máximo de 70cm x 100cm. Ela também possui um método novo de transporte de vestuário para o processo de impressão.

Rich Thompson, diretor de marketing da Kornit, declarou: “Trabalhamos continuamente para melhorar o ponto de equilíbrio entre os métodos de impressão analógicos e digitais. Com custo de consumo de tinta drasticamente reduzido, a Vulcan compete com carrosséis serigráficos, não apenas em pequenas tiragens, mas também para médias e grandes. Além disso, ela possibilita a confecção de peças de qualidade, com impressões fotorrealistas e dados variáveis. Em essência, a Vulcan é uma tecnologia inovadora na qual estamparias e serigrafias deveriam se interessar”.

Fonte: Kornit