Estamparia digital têxtil na Mimaki Week

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 18/08/2015
Mimaki Week contou com palestras sobre o mercado de impressão digital

Mimaki Week contou com palestras sobre o mercado de impressão digital

Entre os dias 3 e 7 de agosto, na filial recifense da Mimaki Brasil, foi realizado o Mimaki Week, evento que reuniu clientes, empresários e técnicos para discutir a impressão digital em tecidos. Na ocasião, Marcelo Ribeiro, da Mimaki, ministrou a palestra “Estamparia Digital”, na qual foram apresentados processos de impressão em poliéster, algodão e poliamida, além de novas tecnologias para o ramo.

Além disso, foram apresentados equipamentos Mimaki (CJV150 e JV300) e atuações da impressão sublimática. Outro ponto frisado durante o evento foi a impressão em banners de tecidos, que estão substituindo banners de lonas.

Segundo Ribeiro, para a preparação da palestra, “foi necessário colocar em pauta dados da indústria têxtil nacional, compilando informações do setor em 2012, 2013 e 2014 e projeções para 2015. Mostramos também os polos têxteis brasileiros e mensuramos a capacidade produtiva de cada um”.

Tecnologias de impressão digital em tecidos

Na palestra apresentada na Mimaki Week, foram discriminadas as tecnologias de estamparia têxtil digital, que podem ser divididas em impressão direta (para bases naturais) e sublimação (normalmente utilizada para poliéster).

As bases naturais são estampadas com pastas (tintas) reativas ou ácidas. Para tanto, são necessários tratamentos prévios e posteriores realizados por meio de equipamentos como rama, lavadora, vaporizador, entre outros. São máquinas consolidadas que se encontram instaladas em muitas empresas do país.

A estamparia em tecidos com base sintética poliamida é realizada com impressão direta e pasta (tinta) ácida. Por reter calor, a poliamida exige processos mais complexos de estamparia. Porém, há empresas que adaptaram a sublimação para obter resultados aceitáveis nesse tipo de substrato.

Para o caso das bases sintéticas (PES), o processo é definitivamente mais simples e demanda impressão em papel e termotransferência (calandra ou prensa térmica). Trata-se de uma solução popular entre as estamparias brasileiras, que contam com uma grande variedade de bases PES, como PV, PA e bases mistas.

Fonte: Mimaki Brasil



JK Group lançará tinta para impressão direta em algodão e fibras celulósicas

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 20/12/2018
Digistar Bellagio é conjunto de tintas reativas

Digistar Bellagio é conjunto de tintas reativas

O JK Group, fabricante de soluções para impressão digital, participará da Heimtextil, feira que ocorrerá entre os dias 8 e 11 de janeiro de 2019, na Alemanha. No evento global voltado para a indústria de tecidos, a empresa apresentará o Digistar Bellagio, conjunto de tintas reativas da Kiian Digital projetada para estampar diretamente algodão e outras fibras celulósicas. A série inclui as cores CYMK, preto, preto claro e três cores especiais (laranja, vermelho e azul).

Os visitantes do estande do JK Group poderão tocar e sentir os resultados peças impressas pela Digistar Bellagio, que também estará sendo usada em impressoras MS Printing.

Marco Girola, gerente de marketing do JK Group, declarou: “Estamos empolgados em apresentar a Digistar Bellagio, que faz parte do portfólio de produtos têxteis da Kiian Digital. A Digistar Bellagio nasceu da sinergia entre equipes altamente especializadas em impressão têxtil digital, que desenvolvem sistemas capazes de aumentar a eficiência e maximizar resultados”.

Além da nova Digistar Bellagio, o estande do JK Group também contará com tintas sublimáticas, dispersas (Digistar Bravo) e as pigmentadas (Digistar K-Choice). O evento será a ocasião para destacar o compromisso ecológico da empresa, por meio de seu programa Textile Standard Compliance, que possibilita uma produção de impressão sustentável.

Fonte:



Xaar desenvolve impressoras digitais com fabricante chinesa

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 23/08/2016
Impressoras empregam a recém-lançada cabeça Xaar 1201

Impressoras empregam a recém-lançada cabeça Xaar 1201

A Xaar, desenvolvedora de tecnologia inkjet, anunciou que a Xucheng, fabricante chinesa de impressoras, é a primeira parceira OEM a desenvolver e lançar equipamentos de grande formato que empregam a nova cabeça Xaar 1201, com tecnologia Thin Film Piezo.

A Xucheng lançou quarto modelos ecossolvente rolo a rolo. Dois deles (X7-3207 e X7-2007) foram apresentados pela primeira vez na ISE, evento sediado em Guangzhau, na China.

James Zhao, gerente geral da Xucheng, declarou: “É uma honra trabalhar com a Xaar, líder no mercado mundial de tecnologia inkjet. A Xaar também domina nos segmentos cerâmico, de codificação e marcação, e estou certo de que, com a Xaar 1201, estamos entrando em uma nova era na indústria gráfica. A Xucheng tem muito orgulho de fazer parte disso”.

A Xaar 1201, anunciada na Drupa 2016, é uma cabeça greyscale e imprime 1, 2 ou 4 cores. Pode trabalhar com tintas à base de solvente e água. Desenvolvida para se integrar facilmente às demandas dos fabricantes de impressoras, a Xaar 1201 vem com 1.280 nozzles para disparar gotas de tintas com volumes variados em uma variedade de substratos.

Bob Bobertz, diretor de vendas da Xaar, declarou: “A Xucheng agiu rapidamente para tirar todo proveito da Xaar 1201 e, além das novas impressoras ecossolvente, a empresa planeja lançar modelos de impressoras à base d’água”.

Fonte: Xaar