Estamparia digital têxtil na Mimaki Week

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 18/08/2015
Mimaki Week contou com palestras sobre o mercado de impressão digital

Mimaki Week contou com palestras sobre o mercado de impressão digital

Entre os dias 3 e 7 de agosto, na filial recifense da Mimaki Brasil, foi realizado o Mimaki Week, evento que reuniu clientes, empresários e técnicos para discutir a impressão digital em tecidos. Na ocasião, Marcelo Ribeiro, da Mimaki, ministrou a palestra “Estamparia Digital”, na qual foram apresentados processos de impressão em poliéster, algodão e poliamida, além de novas tecnologias para o ramo.

Além disso, foram apresentados equipamentos Mimaki (CJV150 e JV300) e atuações da impressão sublimática. Outro ponto frisado durante o evento foi a impressão em banners de tecidos, que estão substituindo banners de lonas.

Segundo Ribeiro, para a preparação da palestra, “foi necessário colocar em pauta dados da indústria têxtil nacional, compilando informações do setor em 2012, 2013 e 2014 e projeções para 2015. Mostramos também os polos têxteis brasileiros e mensuramos a capacidade produtiva de cada um”.

Tecnologias de impressão digital em tecidos

Na palestra apresentada na Mimaki Week, foram discriminadas as tecnologias de estamparia têxtil digital, que podem ser divididas em impressão direta (para bases naturais) e sublimação (normalmente utilizada para poliéster).

As bases naturais são estampadas com pastas (tintas) reativas ou ácidas. Para tanto, são necessários tratamentos prévios e posteriores realizados por meio de equipamentos como rama, lavadora, vaporizador, entre outros. São máquinas consolidadas que se encontram instaladas em muitas empresas do país.

A estamparia em tecidos com base sintética poliamida é realizada com impressão direta e pasta (tinta) ácida. Por reter calor, a poliamida exige processos mais complexos de estamparia. Porém, há empresas que adaptaram a sublimação para obter resultados aceitáveis nesse tipo de substrato.

Para o caso das bases sintéticas (PES), o processo é definitivamente mais simples e demanda impressão em papel e termotransferência (calandra ou prensa térmica). Trata-se de uma solução popular entre as estamparias brasileiras, que contam com uma grande variedade de bases PES, como PV, PA e bases mistas.

Fonte: Mimaki Brasil



Cobertura Fespa Brasil 2015 – Parte 3: Sublimação e softwares

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 29/03/2015

Visitante teve oportunidade de pesquisar vários modelos de prensas térmicas

Visitante teve oportunidade de pesquisar vários modelos de prensas térmicas

A Fespa Brasil 2015 mostrou que a sublimação continua em alta. No evento, vários expositores ofereceram muitas soluções da tecnologia aplicada em segmentos como têxtil, promocional, esportivo, entre outros.

Acompanhe a seguir um panorama dos substratos, maquinários, tintas e papéis para sublimação expostos na edição de 2015 da Fespa Brasil 2015. Confira também um apanhado dos fornecedores de softwares que estiveram no evento para apresentar soluções de RIP, orçamento e gestão de produção.

Leia também as demais partes desta cobertura:

Fespa Brasil 2015 foi rica em amostras e produtos para o público que trabalha com sublimação

Fespa Brasil 2015 foi rica em amostras e produtos para o público que trabalha com sublimação

Uma das fornecedoras especializadas em sublimação presente na Fespa Brasil 2015 foi a Nexel. A empresa comercializa diversos substratos, tintas e prensas para quem trabalha com personalização de produtos.

Quem buscou por calandras para sublimação pôde encontrar modelos avançados no estande da Monti Antonio. A empresa vende a Mod.853, cujo cilindro tem 350mm de diâmetro e pode trabalhar materiais com até 1600mm de largura.

A Metalnox também aproveitou a feira para mostrar calandras e prensas térmicas de diversos modelos e formatos, como a PMT 25 (para calçados), a PTA 650 (para jeans) e a PTC 2000 (para alta produtividade).

Calandra para sublimação vendida pela Metalnox

Calandra para sublimação vendida pela Metalnox

Entre as máquinas mostradas pela Flock Color estavam prensas térmicas manuais e pneumáticas. Além disso, a fornecedora exibiu diversas soluções de transfer.

Além de prensas (planas, para canecas e multiuso), a IS Suprimentos apresentou uma vasta série de fotoprodutos, como capas para smartphones, pratos, sacolas, chinelos, entre outros materiais.

A Colorkit foi à feira para mostrar sua linha de substratos para produção de fotoprodutos estampados com sublimação, como xícaras, copos e canecas personalizáveis. Também apresentou diversas prensas. Uma delas, a Multifuncional 6 em 1, realiza transferência térmica em tecidos sintéticos, mouse pads, azulejos, entre outros materiais.

Estande da IS Suprimentos apresentou novas canecas para sublimação

Estande da IS Suprimentos apresentou novas canecas para sublimação

A Art Hot também esteve no evento. No estande da marca, o visitante pôde comprar materiais e equipamentos para transfer e sublimação, como prensas térmicas, papéis para transferência e diversos substratos, como chaveiros, canecas, entre outros brindes e fotoprodutos.

Ainda na seara da sublimação, esteve a Gaúcho Br, que expôs itens como prensas térmicas, papéis transfer e substratos como canecas e squeezes.

Já a Nova Dampex apresentou o DarkFilm, composto por películas para recorte eletrônico ou impressão digital solvente e transferência sobre tecidos de algodão ou sintéticos.

Havir demonstrou seus papéis na feira

Havir demonstrou seus papéis na feira

A Havir também expôs no evento. Entre seus produtos, estavam papéis para sublimação digital e papéis transfer para diversos processos gráficos.

O visitante interessado em mídias sublimáticas pôde conferir alguns modelos no estande da Cinco Estrelas, como o papel monolúcido branco vendido em bobinas com diversas larguras.

Já a Embaplan levou o Power Film, película transfer usada para personalização de camisetas, uniformes e artigos de vestuário. O trabalho com o material exige a utilização de plotters de recorte e prensas térmicas.

Destaque também para a MidiasPrint/Protransfer. A empresa levou ampla diversidade de canecas, bem como pratos, porta-copos, mouse pads, entre outros materiais para quem trabalha com brindes, presentes, lembranças e marketing personalizado.

A Textransfer mostrou produtos que podem ser recortados em plotters para aplicações em tecidos de algodão, poliéster-viscose, lycra e mistos. Também apresentou materiais que podem receber impressão digital para transferência em tecidos normais.

Já a TMT expôs as linhas 123 Flex (de filmes de poliuretano para recorte eletrônico), 123 Premium (filme com maior tack), MC2Print (filmes de impressão e recorte para transfer) e MCGlitter (filme com textura de purpurina).

Fespa Brasil 2015 contou com inúmeros expositores dedicados à sublimação e estamparia em tecidos

Fespa Brasil 2015 contou com inúmeros expositores dedicados à sublimação e estamparia em tecidos

Softwares

Além de apresentar diversas soluções de softwares para gestão e criação de orçamentos, a Fespa Brasil 2015 agregou estandes de fabricantes de aplicativos gráficos.

Caldera levou softwares específicos para birôs e gráficas digitais, como a nova versão 10 do RIP Caldera, além de programas como o VisualRIP, GrandRIP, GrandCut, EasyMedia, CostView, Flow+ e o WebShop, solução web-to-print desenvolvida para empresas que trabalham com impressoras de grande formato.

Software Caldera roda impressoras de grande formato

Software Caldera roda impressoras de grande formato

Outra empresa tradicional no segmento, a SA International (SAi) esteve na feira, com um estande que apresentava as principais funções do PhotoPrint, RIP com ferramentas de design criadas especialmente para birôs e compatível com muitos modelos de impressoras digitais de grande formato.

A Inèdit Software mostrou ao público o neoStampa, software RIP desenvolvido para estamparia têxtil digital. O aplicativo oferece ferramentas para calibração, criação de perfil ICC, passo e repetição de impressão e controle de custos.

Já a EFI Metrics apresentou seu sistema de gestão que integra todo o fluxo de trabalho, das vendas web-to-print à impressão.

Softwares de orçamento e gestão de birôs e gráficas foram exibidos em diversos estandes no evento

Softwares de orçamento e gestão de birôs e gráficas foram exibidos em diversos estandes no evento

Calcgraf também exibiu soluções para birôs e gráficas digitais de pequeno, médio ou grande porte. Entre elas, sistemas para diversas áreas de uma empresa: comercial, produção, suprimentos, financeira, gerenciamento e fiscal.

No estande da Zênite Sistemas, o visitante viu em funcionamento o GS2.0, com recursos e ferramentas específicas para empresas de serigrafia e impressão digital de grande formato. Com a solução, é possível obter orçamentos e relatórios de produção por metro quadrado.

A Bremen levou para a Fespa Brasil 2015 o Wingraph, software de gestão para birôs e gráficas de micro, pequeno, médio ou grande porte.



Feira Serigrafia Sign 2017 tem data e local marcados

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 02/05/2016
Em 2017, Serigrafia Sign volta a ocorrer no mês de julho

Em 2017, Serigrafia Sign volta a ocorrer no mês de julho

A edição de 2017 da feira Serigrafia Sign vai acontecer entre os dias 12 e 15 de julho (quarta-feira à sábado), das 13h às 20h, no Expo Center Norte, na cidade de São Paulo.

Em 2016, o evento chegou à 27ª edição.

Fonte: Serigrafia Sign