Estamparia digital têxtil na 40ª edição do São Paulo Fashion Week

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 21/10/2015
Diversas peças do estilista Ronaldo Fraga foram estampadas pela impressora Evox Mtx8, fabricada pela Metalnox

Diversas peças do estilista Ronaldo Fraga foram estampadas pela impressora Evox Mtx8, fabricada pela Metalnox

A Metalnox Digital, fornecedora catarinense de equipamentos para o segmento têxtil, firmou uma parceria com o estilista Ronaldo Fraga, para apresentar nas passarelas da São Paulo Fashion Week 2015, que ocorre entre os dias 18 e 23 de outubro, uma coleção totalmente estampada pela Evox Mtx8, máquina que imprime diretamente em tecidos.

A parceria entre a tecnologia da Metalnox Digital e a experiência de Ronaldo Fraga integra empresas e profissionais da cadeia produtiva de moda e promove aproximação e aprimoramento das relações entre designers e equipe técnica.

A Metalnox Digital é a primeira empresa da América Latina e terceira no mundo a desenvolver e fabricar um equipamento para impressão direta em tecido de nível industrial, a Evox Mtx 8. Segundo a empresa, a impressora estampa diretamente em tecidos claros e escuros com composição mínima de 50% de algodão. O equipamento possibilita o trabalho com peças de até 600mm x 800mm e impressão direta em superfícies irregulares como bolsos, costuras, zíperes, entre outras. Além disso, a Evox Mtx 8 produz peças customizadas a um baixo custo.

A tecnologia de impressão direta em tecido possibilita maior liberdade de criação e produção por permitir que estilistas e designers transmitam suas ideias às peças por meio do computador, com alta definição de imagem e grande variedade de cores e efeitos.

Vários tipos de tecidos empregados no segmento de moda podem ser estampados diretamente pela Evox Mtx 8
Vários tipos de tecidos empregados no segmento de moda podem ser estampados diretamente pela Evox Mtx 8

Fonte: Metalnox



Xaar apresenta nova cabeça de impressão 1002 Amp

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 10/04/2014

A fabricante Xaar anunciou recentemente uma nova cabeça de impressão direcionada exclusivamente ao mercado industrial. Trata-se da 1002 Amp, um subproduto da recém-lançada linha Xaar 1002. A nova peça foi desenvolvida para imprimir telas, semicondutores, dispositivos fotovoltaicos e painéis de controle.

Nova cabeça foi apresentada na feira europeia InPrint 2014

Nova cabeça foi apresentada na feira europeia InPrint 2014

Segundo a empresa, a 1002 Amp pode trabalhar com inúmeros tipos de fluidos e é capaz de disparar gotas de até 1 picolitro. Isso é necessário porque as aplicações industriais exigem pontos muito pequenos em função dos revestimentos superficiais, dos padrões e de outras características dos substratos usados na indústria. Além disso, a Xaar 1002 Amp oferece alta frequência de disparo e tamanho variável de gota.

Sediada em Cambridge (Reino Unido), a fábrica da Xaar tem procurado expandir seus negócios para outras áreas além da gráfica. Mark Alexander, diretor de marketing da empresa, declarou: "Olhe para os mercados de rótulos, embalagens, laminados decorativos, cerâmicas e tecidos. Atuamos em todos eles, além de estarmos muito envolvidos com o mercado gráfico e de comunicação visual".

Fonte: Output Magazine



Nova cabeça de impressão Xaar 1003 Amx

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 28/05/2017
Xaar 1003 Amx é indicada para aplicações industriais

Xaar 1003 Amx é indicada para aplicações industriais

A fabricante Xaar anunciou no mercado internacional a Xaar 1003 Amx, cabeça de impressão que dispara gotas com volumes que variam de 6 a 42 picolitros.

Indicada para indústrias de fabricação de displays de tela plana, semicondutores e fotovoltaicos, a Xaar 1003 AMx realiza endereçamento de gotas com precisão e oferece volume consistente e jateamento de alta frequência, o que é fundamental para aplicações que requerem revestimentos e padrões regulares.

A cabeça, que incorpora a tecnologia TF e a arquitetura Hybrid Side-Shooter, tem uma série de revestimentos internos e externos especiais que permitem o jateamento de fluidos funcionais corrosivos e reativos. Estes recursos garantem um longo tempo de execução e reduzem as manutenções.

Fonte: Xaar