Envelopamento de carros: com ou sem emendas

Por Eduardo Yamashita em 20/11/2014

Envelopamentos de veículos sem emenda exigem planejamento e são desafiadores. Muitos instaladores de vinil não possuem habilidades para colocar isso em prática corretamente. Muitos prometem envelopamento sem emendas, mas não conseguem entregá-lo. E uma coisa é certa: com um envelopamento autêntico, é possível se diferenciar da concorrência. E, sim, os melhores instaladores conseguem realizar instalações com poucas emendas.

Planejamento

O sucesso do envelopamento está diretamente ligado ao planejamento e a mãos firmes. Quanto mais bem planejado, mais fácil será a aplicação. É uma medida que serve para qualquer trabalho. No entanto, evitar emendas exige mais cuidado.

No envelopamento sem emendas, há algumas complicações. Você tem de entender os baixos-relevos e como eles afetam a aplicação. Antes de começar o trabalho, saiba como abordar o consumo de vinil e as condutas com eles.

Pergunte-se: Antes de aplicar o vinil no veículo, terei a cobertura que preciso? Depois de considerar cuidadosamente a resposta, faça outra pergunta: O que é necessário fazer para preparar esta área do veículo de modo que pareça uma peça única?

Instaladores que sabem aplicar vinis sem emendas conseguem se diferenciar no mercado

Instaladores que sabem aplicar vinis sem emendas conseguem se diferenciar no mercado

Combinação de cores

Por exemplo, se depois de aplicar um vinil vermelho e preto sobre um carro branco surgirem espaços brancos, vai parecer um trabalho desleixado. Para evitar isso, é preciso embutir componentes dentro de algumas das áreas de baixo-relevo (acabamentos) para que a cor original do carro não seja revelada. E não esqueça de considerar essas questões antes de projetar o envelopamento.

Pergunte-se: Os acabamentos (baixos-relevos) serão um problema? O que vou fazer com eles? Se essas áreas são pintadas de preto e a imagem é composta de preto e vermelho, então você não tem de se preocupar em combinar o gráfico.

Provavelmente, a melhor cor para trabalhar em cima em um veículo é a preta, porque ela "desaparece" e não chama atenção. Num mundo utópico, haveria apenas carros pretos, para facilitar o trabalho dos instaladores. E, nesse caso, o envelopamento sem emenda seria muito mais fácil, porque é possível transformar o preto em qualquer cor. Mas a realidade é diferente: há uma série de pinturas variadas.

Planejamento é fundamental para garantir uma aplicação profissional

Planejamento é fundamental para garantir uma aplicação profissional

Envelopamento parcial

Em alguns casos, a cor é tão diferente que, dependendo do projeto, deve-se usá-la em conjunto com o projeto e fazer um envelopamento parcial.

Envelopamento parcial pode ser a melhor solução em muitos casos, porque é possível que o instalador não possua as habilidades necessárias para obter uma cobertura completa e executar o trabalho corretamente.

Se você não tem as habilidades para fazer um envelopamento sem emendas, não hesite em realizar o parcial. Por exemplo, é muito mais fácil aplicar imagens de chamas nas laterais do veículo do que envolver todo o veículo.

Quando você não pode fazer um envelopamento total, às vezes, envelopamentos parciais funcionam bem.

Esse artigo técnico foi patrocinado pela Imprimax, fabricante de vinis adesivos

Este artigo técnico foi patrocinado pela Imprimax, fabricante de vinis adesivos

Gostou do artigo? Você também vai se interessar pelas matérias abaixo:

Sobre o autor: Eduardo Yamashita é consultor técnico especializado em vinis adesivos, envelopamento de carro e comunicação visual

Sobre o autor: Eduardo Yamashita é consultor técnico especializado em vinis adesivos, envelopamento de carros e comunicação visual



Sun Chemical lança série de tintas ecossolvente

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/12/2015
Streamline ESL 2 é compatível com alguns modelos Roland

Streamline ESL 2 é compatível com alguns modelos Roland

A Sun Chemical, fabricante de insumos para impressão, anunciou no mercado internacional a disponibilidade da Streamline ESL 2, série composta por sete tintas digitais ecossolvente que fazem parte do portfólio de insumos que empregam plataforma química HPQ-LO (High Print Quality-Low Odor), especialmente desenvolvida para impressoras instaladas em ambientes fechados.

De acordo com a empresa, a Streamline ESL 2 é compatível com equipamentos da série Roland Eco Sol Max II, oferece excelente durabilidade ao ar livre e pode ser misturada com tintas Roland, o que permite a instalação sem desperdício. Além disso, a tinta confere resistência a álcool quando impressa em suportes apropriados, garantindo impressos de alta qualidade e durabilidade.

A série de sete cores inclui as tintas CMYK com amarelo livre de níquel, light cyan, light magenta e light black.

A Sun Chemical também atualizou a linha Streamline Ultima, que está sendo produzida com a plataforma HPQ-LO. Projetada para impressoras ecossolvente da Mimaki, a tinta oferece aderência a vários materiais usados nos mercados de sinalização e comunicação visual.

Fonte: Sun Chemical



Ritrama apresenta três novos vinis monoméricos

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/03/2017
Mídias foram desenvolvidas para profissionais com pouca experiência em aplicação de vinis adesivos

Mídias foram desenvolvidas para profissionais com pouca experiência em aplicação de vinis adesivos

A Ritrama, fabricante italiana de mídias para comunicação visual, anunciou no mercado internacional a Easy Application Solutions, nova série de vinis monoméricos para aplicações de curta e média duração. Segundo a empresa, os materiais são indicados a profissionais que procuram soluções fáceis de serem aplicadas em lojas de varejo, vitrines, painéis, fachadas, displays, entre outras aplicações de sinalização. Confira as principais características de cada um dos vinis:

RI-DOT

Com 100µ e acabamento transparente ou branco fosco, o RI-DOT lança mão de uma nova tecnologia de revestimento: um padrão especial com áreas não adesivas que, segundo a Ritrama, permite que todo o ar seja removido do material durante a aplicação, o que evita a formação de bolhas. A mídia é indicada para aplicações de curto prazo em ambientes fechados e pode receber impressão inkjet ecossolvente e látex.

RI-JET 100

Com 100µ, adesivo removível e tecnologia Airflow, RI-JET 100 é fácil de ser removido de superfícies de vidro. Disponível em acabamento transparente ou branco fosco, a mídia foi concebida para decorar vitrines para campanhas promocionais de curta duração. Além disso, é adequada para personalizar mobiliário e instalações temporárias em superfícies planas de veículos. Pode receber impressão digital UV, solvente, ecossolvente e látex.

RI-FIX

Com 170µ e acabamento transparente ou branco fosco, a RI-FIX é indicada para aplicações em ambientes internos de curta e média duração. A mídia é indicada para personalizar superfícies de vidro e plástico e contém um adesivo que permite a remoção sem deixar resíduos. É compatível com impressão digital UV, solvente e ecossolvente.

Fonte: Ritrama