Envelopamento de carro: adesivação de retrovisor (passo a passo)

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 07/11/2012

Quer se diferenciar num segmento tão concorrido como o de envelopamento de veículos? Que tal começar a pensar mais nos detalhes? Uma adesivação bem feita, sem rebarbas e bolhas, utilizando material de forte impacto visual, pode fazer toda a diferença. E não apenas nas áreas mais expostas do carro, mas também em locais menos chamativos, como o retrovisor.

Confira, no passo a passo abaixo, como aplicar o vinil adesivo nessa peça, para deixá-la mais protegida e bonita. Para tanto, você vai precisar de alguns acessórios:

  • Estilete estreito;
  • Soprador térmico;
  • Jogo de lâminas (30º de inclinação);
  • Espátula de nylon, com um dos lados revestidos com tecido.

O envelopamento foi realizado com vinil fibra de carbono Premium Alltak Tuning, fabricado pela Alko.

Fonte: Alko. Edição: InfoSign



swissQprint incorpora nova função em equipamento de impressão digital

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 09/11/2012

O carregamento de substratos exerce grande influência na produtividade de uma impressora UV plana (flabted). Pensando em agilizar esse procedimento, a swissQprint, fabricante europeia de máquinas de impressão digital, desenvolveu a função "tandem".

O princípio da novidade é bem simples: o operador carrega os substratos na metade frontal da mesa de impressão. Em seguida, a máquina começa a dar as suas passadas. Enquanto isso ocorre, o operador pode ir carregamento mais substratos, só que na outra metade (a de trás) da mesa. Assim que as impressões da frente terminam, a máquina passa a estampar os materiais inseridos e fixados atrás. Nesse meio tempo, o operador já pode retirar as mídias impressas (da frente) e recarregar a mesa com mídias virgens. E assim sucessivamente, sem interrupções, até o fim do trabalho.

Nyala, impressora plana UV da swissQprint: com a função "tandem"

Você deve estar se perguntando: e como funciona o esquema de vácuo, que fixam os materiais?  Simples: a mesa da impressora Nyala divide-se em duas áreas de vácuo, que podem funcionar de modo simultâneo ou independente.

A empresa confirma a eficiência da ferramenta por meio de um exemplo: sem a função "tandem", a produção de mil painéis (de formato 400 x 400mm) leva 7 horas e 40 minutos. Já com a função, gasta-se 4 horas e 50 minutos, para a mesma quantidade de material. Uma economia de tempo de 37%.

A "tandem" foi projetada para produções de pequenas peças em série. Ela é uma boa pedida para empresas que fazem muitos serviços de personalização, para campanhas de marketing.

A novidade já vem inclusa nos modelos Nyala. E a partir de 2013, os modelos Oryx e Impala também passarão a tê-la. No Brasil, a swissQprint é representada pela Marbor.

Você pode conferir a ferramenta em ação no vídeo abaixo:

Fonte: swissQprint. Reportagem: InfoSign

 



Sinalização digital 3D é instalada nos Jogos Olímpicos de Inverno de 2014

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/02/2014

Os rostos dos participantes eram scaneados e projetados em 3D

As faces dos participantes são escaneadas e projetadas em imagens 3D

Os Jogos Olímpicos de Inverno de 2014, realizados de 7 a 23 de fevereiro, em Sóchi (Rússia), reunirão não apenas a nata dos esportes de competição, mas também a elite da sinalização digital. Os atletas e os espectadores dos Jogos poderão ver de perto a inusitada instalação chamada Monte Rushmore da Era Digital. Trata-se de um display que projeta imagens tridimensionais das pessoas que interagem com ele.

Instalação recebeu a alcunha de Mt. Rushmore of the Digital Age

Instalação recebeu a alcunha de Monte Rushmore da Era Digital

Criada pela MegaFon, maior empresa de telecomunicações da Rússia e parceira da competição olímpica, a instalação tem 2 mil metros quadrados e é composta por 10 mil cilindros (atuadores) de LDEs RGB. Eles se acendem atrás do véu que cobre o prédio.

As faces dos participantes são escaneadas dentro de uma cabine, que captura a imagem de cinco ângulos diferentes. Em um minuto, um modelo 3D é criado e, por fim, uma imagem (de 8 metros) do rosto do visitante é projetada por 20 segundos.

A instalação fica localizada na entrada do Parque Olímpico e permancerá lá ao longo dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Inverno de 2014.

Assista ao vídeo da sinalização digital 3D em funcionamento:

Fonte: Digital Signage Connection