EFI lança impressoras digitais na Fespa Digital 2016

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 14/03/2016
Vutek LX3 Pro esteve em exibição no estande da EFI na Fespa 2016

Vutek LX3 Pro esteve em exibição no estande da EFI na Fespa 2016

A EFI, fabricante de equipamentos, apresentou na Fespa 2016, feira internacional que ocorreu entre os dias 8 e 11 de março, uma série de novas impressoras digitais. Confira os modelos:

- Vutek FabriVU: equipamento indicado para produção de sinalização em tecido para publicidade em lojas de varejo, feiras e outras aplicações. Disponível com larguras de 1,8m ou 3,4m, a impressora emprega sistema patenteado de circulação de tinta para impedir o entupimento dos nozzles. Além disso, trabalha na velocidade de até 464m2/h ou na resolução de até 2.400dpi, com gotas de tintas que variam de 4 a 72 picolitros.

- Reggiani ReNoir Next 180: impressora indicada para o mercado têxtil industrial de decoração e vestuário. A máquina trabalha com tecidos e papel e possui sistema de impressão digital sem correia de 1,8m.

- Vutek LX3 Pro: UV LED híbrida, a impressora tem 3m de largura e pode trabalhar na velocidade de 318m2/h. Por ter cura “fria”, a máquina roda um número maior de mídias.

- Vutek HS125 Pro: oferece recursos que se aproximam da impressão offset. Pode trabalhar na velocidade de produção de até 125 quadros por hora, além de apresentar o sistema de cura LED UV Pin & Cure exclusiva. A Vutek HS125 Pro sucede a Vutek HS100 Pro.

- EFI H1625-SD: impressora UV básica. Com sistema de alimentação híbrido e 1,65m de largura, a máquina emprega tinta EFI SuperDraw UV para reproduzir imagens com qualidade fotográfica diretamente em substratos de termoformagem.

- EFI Matan Quantum LXr: rolo a rolo, a impressora dispara gotas com 7 picolitros e trabalha com resoluções de até 1.200dpi em quatro cores e opção de branco.

- Fiery proServer: plataforma atualizada de front-end digital possui a capacidade de processar arquivos de impressão 60% mais rápido do que as versões anteriores do proServer.

Fonte: EFI Brasil



DuPont apresenta nova tinta digital para sublimação

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 04/10/2016
Artistri Xite S1500 é indicada para impressão de tecidos de poliéster

Artistri Xite S1500 é indicada para impressão de tecidos de poliéster

A DuPont, desenvolvedora de materiais para impressão, anunciou no mercado internacional a Artistri Xite S1500, tinta sublimática digital indicada para estampar tecidos de poliéster usados em vestuário, sinalização e comunicação visual comercial. O insumo está disponível tanto para fornecedores de impressoras quanto para gráficas e birôs digitais.

Desenvolvida para trabalhar com papéis revestidos para sublimação, a Artistri Xite S1500 é a adição mais recente ao portfólio de tintas digitais da DuPont, que anunciou no início de 2016 um programa para oferecer um número maior de soluções para mais clientes. A empresa, que tem 25 anos de experiência na produção de tintas digitais, afirma que seus produtos oferecem “cores mais brilhantes, ciclos de produção mais curtos e maior rendimento na produção”.

Eric Beyeler, gerente de marketing da divisão de tintas digitais da DuPont, declarou: “Estamos muito animados com a Artistri Xite S1500. Esta tinta oferece o que nossos clientes esperam de nós: saturação de cor excepcional, eficiência de impressão e inovação. Trata-se de um novo passo para continuar a construir nosso portfólio e atender às necessidades crescentes do mercado de impressão digital têxtil”.

Fonte: Fespa



RIP da ColorGate chega à versão 10

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 13/09/2016
ColorGate 10 tem novas opções e ferramentas melhoradas

ColorGate 10 tem novas opções e ferramentas melhoradas

A ColorGate, desenvolvedora de softwares, anunciou a 10ª versão dos aplicativos Productionserver, Filmgate e Proofgate, que apresentam os seguintes itens aperfeiçoados:

Gerenciamento de mídia HP Latex

Com a versão 10 do software, a ColorGate oferece o complemento HP Latex Media Management, que melhora o gerenciamento de mídia entre RIP e impressoras HP. Pacotes como o HP OMES e predefinições de substratos podem ser enviados diretamente para equipamentos látex por meio do RIP ColorGate. Além disso, os pacotes OMES podem ser baixados a partir da impressora e processados pelo ProductionServer. Esses perfis ICC podem ser usados para gerar combinações personalizadas MIM (Media-Ink-Metamode) no ProductionServer.

Adobe PDF Print Engine (APPE) 4.3

O ColorGate 10 utiliza a versão 4.3 do Adobe PDF Print Engine (APPE), dispositivo RIP empregado para processamento rápido de imagem de gráficos complexos. O APPE processa conteúdo exibido em todos os outros produtos da Adobe Creative Cloud. Também usa o mesmo núcleo de tecnologia Adobe PDF em todas as fases do fluxo de trabalho de impressão.

Novos módulos

O Job Backup Module (JBM) permite o arquivamento de trabalhos de impressão individuais (com todas as configurações específicas do job) para um diretório definido. Esses trabalhos podem ser reproduzidos na mesma impressora ou em outro equipamento usando as configurações originais. O processo pode ser ativado manual ou automaticamente.

Já o Channel Redirection Module (CRDM) permite a definir o canal de cor de cada cabeça de impressão. Esse módulo está disponível para a fluxo de trabalho de produção e prova. Além disso, também é possível redirecionar um canal de cor para várias cabeças de impressão.

Melhoria do visualizador de gama de cores

O Gamut Viewer foi atualizado. A visualização das diferentes gamas de cores ICC foi melhorada. A precisão de gamas multicores também foi aprimorada.

Módulo de corte

O módulo de prévia de cortes, Print and Cut Module (PCM), pode ser acessado com a visualização dos documentos. Essa prévia não exige os dados de impressão para mostrar o caminho de corte. Os usuários poderão ver todas as informações dos documentos após o cálculo de pré-visualização.

Fonte: ColorGate