Drytac lança película para criação de quadros brancos

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 10/11/2017
WipeErase Clear pode ser laminado sobre vários tipos de superfícies

WipeErase Clear pode ser laminado sobre vários tipos de superfícies

A Drytac, fabricante de mídias adesivas, anunciou no mercado internacional a disponibilidade da WipeErase Clear, película transparente de PET para laminação de quadros brancos e outros tipos de aplicações, como placas de menu e sinalização, paredes da salas de conferência e displays de varejo. O material também pode ser empregado em ambientes como quartos infantis, escolas, creches, hospitais, mercearias, restaurantes e pubs.

Com acabamento brilhante e 75μ de espessura, a mídia é compatível com impressão digital solvente, UV e látex.

O WipeErase Clear possui qualidade antigrafite e resistência a arranhões, abrasões, água, solventes e manchas, o que evita “efeitos fantasmas”, e até marcadores permanentes podem ser removidos de forma rápida com o uso de álcool.

Shaun Holdom, gerente de produto da Drytac, declarou: “O WipeErase Clear permite que os birôs transformem mídias em um quadro branco. Suas aplicações são quase infinitas, além de oferecer uma superfície durável e garantia de 10 anos. Em função de suas qualidades antigrafite, pode ser usada para proteger gráficos em áreas de alto tráfego”.

Fonte: Drytac



Mimaki Brasil lança impressora sublimática de alta produtividade

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 20/09/2015
Com 1,8m de largura, a TS300P-1800 é indicada para indústrias têxteis

Com 1,8m de largura, a TS300P-1800 é indicada para indústrias têxteis

A filial brasileira da Mimaki, fabricante de plotters e impressoras, anunciou o lançamento nacional da TS300P-1800, equipamento de impressão sublimática desenvolvido para a indústria têxtil. Com 1,8m de largura, a máquina pode produzir na velocidade máxima de 115m²/h e apresenta bases (platen) ampliadas, além do novo mecanismo Cockling-Reduction, capazes de reduzir o enrugamento dos papéis transfer.

A impressora também apresenta o Sistema Automático de Alimentação de Mídia, cuja função é aplicar automaticamente tensão nos substratos, para aumentar a regularidade da passagem da mídia pela impressora.

Além disso, a TS300P-1800 emprega a SB410, recém-lançada tinta de baixo custo, e uma nova cabeça de impressão, que posiciona com mais precisão as gotas de tintas disparadas, produzindo imagens com mais qualidade.

Outra particularidade do sistema de impressão da máquina é o Sistema de Checagem de Nozzles, que detecta e limpa nozzles avariados. Se os injetores deixarem de funcionar após a limpeza, eles serão substituídos por outros, até que um profissional da assistência técnica realize as manutenções na máquina.

A TS300P-1800 pode vir com o software RIP RasterLink6 ou o Txlink3 Lite, de acordo com a disponibilidade dos aplicativos.

Fonte: Mimaki Brasil



Oki lança impressora ecossolvente ColorPainter E-64s

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 12/10/2016
ColorPainter E-64s tem diversas tecnologias exclusivas

ColorPainter E-64s tem diversas tecnologias exclusivas

A fabricante Oki Data Infotech anunciou no mercado internacional a nova ColorPainterT E-64s, impressora ecossolvente de 1,6m de largura equipada com tinta original de baixo odor e indicada para birôs que produzem baixos e médios volumes.

Com conjunto de seis cores (CMYK, light cyan e light magenta), a impressora pode trabalhar na resolução máxima de 1.080dpi ou velocidade máxima de 23m2/h.

A Oki frisa que a ColorPainter E-64s inclui diversas tecnologias que melhoram o desempenho da impressora, como ajustes automáticos realizados por meio de sensores ópticos que corrigem o posicionamento da mídia na máquina.

Outras tecnologias agregadas são a Smart Pass Technology 4 (que ajuda a executar impressões estáveis e de alta qualidade), a Dynamic Dot Printing Technology (controla o tamanho dos pontos impressos) e a and Smart Nozzle Mapping 3 (automatiza o processo de compensação de nozzles).

A ColorPainter E-64s, além de incluir o software ONYX RIPCenter, vem com a tecnologia SSS, que detecta o contato entre as cabeças de impressão e os substratos. Quando isso acontece, a impressora pausa no trabalho, realiza as correções e, em seguida, retoma o trabalho sem cancelá-lo.

Além de um ionizador que neutraliza eletricidade estática, a impressora emprega um sistema que traz o ar da parte traseira da máquina para ventilá-lo na frontal, o que ajuda a secar mais rapidamente a tinta impressa.

Veja a impressora em funcionamento:

Fonte: Oki