Cor e Processo vende ferramenta para pré-impressão de grandes formatos

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 20/11/2014

Ferramenta serve para visualizar e ajustar arquivos digitais antes da impressão digital

Ferramenta serve para visualizar e ajustar arquivos digitais antes da impressão digital

A Cor e Processo, empresa especializada em gerenciamento de cores e processos gráficos, passou a comercializar no Brasil o Enfocus PitStop Pro, plug-in que roda no Adobe Acrobat.

Usado para pre-flight e para normalizar e editar arquivos antes de enviá-los ao RIP, a solução possui funções que apresentam a cobertura de tinta gasta, ferramenta fundamental para o pós-cálculo de consumo.

O PitStop Pro permite que o operador trabalhe com diversos limites de tamanhos de páginas e suporta (na versão 12) o fator de escala de página (page scaling), para a pré-impressão de arquivos enormes.

Fonte: Cor e Processo



Entrevista com Ricardo Augusto Lie, sócio-diretor da Ampla

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 27/04/2016
Ricardo Augusto Lie, sócio-diretor da Ampla Digital

Ricardo Augusto Lie, sócio-diretor da Ampla Digital

Há mais de uma década, a Ampla Digital marca presença no mercado nacional entre as grandes fornecedoras de comercialização e fabricação de impressoras digitais de grande formato. Para manter e ampliar sua posição, a fabricante sofistica anualmente seu portfólio de equipamentos, para dar conta da constante demanda por tecnologias mais robustas, produtivas e versáteis. Recentemente, além de atender a birôs e gráficas nacionais, a empresa tem investido em uma nova rede de distribuição internacional, para expandir seus negócios a outros países, sobretudo da América Latina. Para falar mais sobre esses e outros assuntos, o InfoSign entrevistou o sócio-diretor da Ampla Digital Ricardo Augusto Lie, que também tratou de perspectivas de negócios, projetos e lançamentos.

InfoSign: A Ampla planeja fazer lançamentos em 2016?

Ricardo Lie: Sim, vamos apresentar em primeira mão na feira Serigrafia Sign 2016 a Ampla Elite 3204, impressora com 3,2m de largura que pode trabalhar na velocidade de até 80m²/h. Ela é indicada para o empresário de pequeno ou médio porte que planeja investir em um segundo equipamento. Esperamos visitantes e clientes em nosso estande para conhecer de perto a máquina.

Como a Ampla tem enfrentado a atual retração do mercado brasileiro?

Fazendo os ajustes necessários – como todas as empresas. Porém, estamos mantendo o foco no novo posicionamento mercadológico definido pela nova diretoria da empresa.

Qual a expectativa de negócios para os próximos meses?

Nossas expectativas são positivas. Consideramos tanto o potencial de nossa linha de produtos (incluindo o lançamento da Elite 3204) quanto uma definição do nosso cenário político-econômico, com uma consequente retomada da confiança dos empresários.

Como funciona o modelo de negócios da Ampla, considerando os representantes do mercado brasileiro?

Estamos desenvolvendo uma qualificada rede de distribuidores em todo o país, cujo trabalho será complementado pelas vendas diretas da empresa. Os distribuidores nos tornam mais próximos dos clientes e também agilizam o feedback e o trabalho de pós-venda.

Quais as perspectivas para o mercado externo?

Também temos perspectivas muito otimistas para o mercado externo, considerando que, além do Brasil em sua totalidade, a Ampla possui distribuidores nos seguintes mercados e países: América Central, Argentina, Bélgica, Bolívia, Canadá, Chile, Colômbia, Egito, Equador, Índia, México, Peru, Reino Unido, Rússia e Uruguai. 

Como tem funcionado o esquema de comercialização e instalação de máquinas em países estrangeiros?

O projeto é todo desenvolvido em conjunto com o cliente pela equipe técnica da Ampla com o apoio dos distribuidores internacionais.

O Programa Portas Abertas contempla quais benefícios e ações de apoio ao cliente?

Aumentar a proximidade com o cliente e criar uma oportunidade confortável de ele expor suas necessidades, além de conhecer e indagar sobre a Ampla, seus produtos e serviços.

Além da comunicação visual, a Ampla pretende atuar em outros mercados?

Comunicação visual ainda é o nosso maior negócio, mas hoje os pilares de atuação da Ampla se focam também nos mercados de estamparia digital para a indústria têxtil (favorecida pela evolução dos tecidos em poliéster, que aumenta o valor agregado pela personalização das peças) e de impressão digital industrial em segmentos como o coureiro, calçadista, moveleiro, de decoração e de embalagens.

Isso é parte da filosofia da nova diretoria?

Este é um movimento natural de crescimento e qualificação do mercado que a nova diretoria da Ampla considera de importância estratégica vital não apenas seguir, mas, se possível, antecipar.



Matan lançará impressoras de grande formato na Fespa 2015

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 12/05/2015

Linha de equipamentos Matan QuantumFlex foi desenvolvida para produção em massa de sinalização para frota

Linha de equipamentos Matan QuantumFlex foi desenvolvida para produção em massa de sinalização para frota

A Matan, fabricante de impressoras digitais, estará na Fespa 2015, feira que ocorre de 18 a 22 de maio, na Alemanha, para apresentar novas soluções de impressão de grande formato. Entre elas estará a Matan Quantum, com 3,5m de largura e sistema híbrido. A máquina foi especialmente desenvolvida para aplicações indoor de alta qualidade e pode disparar gotas de tinta de até 7 picolitros. Além disso, o equipamento pode empregar LED ou arco de cura UV.

A Matan aproveitará a Fespa 2015 para apresentar em primeira mão a MatanFlex e a QuantumFlex, criadas para atender birôs que trabalham eminentemente com impressão de comunicação visual para frotas. As duas máquinas possuem 3,5m de largura e empregam tintas com alta elasticidade que podem ser combinadas com a aplicação em linha de verniz.

Tanto a MatanFlex quanto a QuantumFlex possuem sistema de impressão UV e são indicadas para empresas que procuram substituir a tecnologia solvente de seus parques gráficos.

Outra novidade da Matan é o sistema de aplicação de verniz em linha, que trabalha simultaneamente com o sistema de impressão, sem diminuir a velocidade de produção. Segundo a empresa, o sistema oferece aos materiais proteção contra abrasão, arranhões, químicos, danos climáticos e desbotamento UV.

O sistema de aplicação de verniz também trabalha em conjunto com o sistema de corte em linha, o que agiliza o fluxo de trabalho que inclui impressão, revestimento e corte em uma mesma máquina.

Fonte: Matan