Como escolher prensa térmica para sublimação

Por João Leodonio em 22/12/2017
Plana, cilíndrica e cônica: saiba qual é a mais adequada para o seu negócio

Plana, cilíndrica e cônica: saiba qual é a mais adequada para o seu negócio

Na hora de adquirir uma prensa para sublimação, pergunte-se: em qual mercado vou atuar e quais formatos e quantidades quero atender? Com base nas respostas, será muito mais fácil pensar no tipo de prensa mais adequado para o seu negócio.

A mídia (televisão e redes sociais) vende muitas “soluções mágicas” para ganhar dinheiro com prensa térmica. Mas atente-se a essas propostas. A decepção por um investimento ruim e sem orientação pode ser maior do que a empolgação no momento da compra. Portanto, gastar tempo com pesquisa é melhor que você pode fazer para não frustrar um negócio promissor.

Prensa térmica plana para pequenos formatos

Com formatos que variam entre 23cm x 35cm e 50cm x 70cm, essas prensas podem vir ou não suporte (na maioria sem, e o comprador deverá confeccionar uma bancada ou pé) com uma ou duas bandejas, nas voltagens 110v ou 220v (recomenda-se as de 220v, por serem mais econômicas). Elas podem ser manuais, pneumáticas ou elétricas.

Recomenda-se adquirir um equipamento que atenda as medidas máximas dos produtos a serem prensados, além de escolher a voltagem mais econômica e preferir as marcas nacionais, por geralmente oferecerem uma assistência técnica mais ágil.

Prensas planas podem ser manuais, pneumáticas ou elétricas

Prensa térmica plana para formatos grandes (sublimação total)

A partir do formato de 50cm x 70cm, há dezenas de opções de dimensões de prensas planas para grandes formato. Também são encontradas com ou sem suporte, com uma ou duas bandejas (laterais ou sobrepostas), nas voltagens 110v ou 220v. Podem ser manuais, pneumáticas ou elétricas.

Como trata-se de um investimento maior, recomenda-se pesquisar muito e levantar a relação custo x benefício antes de adquirir o equipamento. Indica-se evitar as marcas importadas, por conta da má ou ausência de assistência técnica.

Prensa térmica cilíndrica e cônica

Há uma grande oferta de prensas térmicas cilíndricas com adaptações para sublimar objetos cônicos, geralmente sem suporte e nas voltagens 110v e 220v.

Há muitas ofertas e fabricantes, porém é importante desconfiar. Como nos casos das prensas planas, recomenda-se fugir das prensas importadas por conta da assistência técnica falha ou inexistente. As nacionais são, normalmente, mais caras, porém são vendidas por empresas que oferecem reposição de peças e manutenção muito melhor do que as concorrentes importadas.

Recomenda-se evitar promoções de pacotes (8x1 e 5x1), pois nos kits oferecidos algum dos produtos vão servir apenas para desencalhar o estoque do fornecedor.

Sobre o autor: João Leodonio atua no segmento gráfico há 10 anos, como gerente de produção e consultor. Tecnólogo em produção gráfica, atuou como palestrante pela Imprensa Oficial, de Angola, e como consultor de processos produtivos. É proprietário da Pari Transfer Sublimático

 



Metalnox passa a vender impressoras para estamparia têxtil digital

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 05/06/2014

ePRINT é impressora sublimática vendida pela Metalnox

ePRINT é impressora sublimática vendida pela Metalnox

A Metalnox, fabricante nacional, criou recentemente uma nova marca, a Metalnox Digital, por meio da qual passou a distribuir impressoras digitais para estamparia têxtil. Os dois primeiros lançamentos da nova linha são:

Evox Mtx8

Equipamento para impressão direta em tecido (DTG, Direct To Garment) que reproduz estampas de até 600mm x 800mm. Emprega o Intelligent Head Protection, tecnologia de proteção de cabeças que evita o contato dos nozzles com oxigênio. Conta ainda com as funções de impressão binária ou de pontos variáveis. Segundo a empresa, a máquina prescinde de água para processar e de estações de tratamento de efluentes.

ePRINT Mtx Stronge

Impressora digital para sublimação que trabalha na velocidade máxima de 90m²/h. O equipamento conta com o sistema Intelligent, para compensação de temperatura e estabilidade de impressão. Possui também as funções binária e de pontos variáveis, além do Intelligent Head Protection, que melhora a definição de imagem e aumenta a vida útil das cabeças.

Os equipamentos são fabricados no Brasil e podem ser financiados por meio do BNDES, Proger e Finame.

A Metalnox estará presente na Fespa Brasil 2015 e exporta máquinas para mais de 30 países.

Fonte: Fespa Brasil



InkTec tem novo slogan

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 11/01/2016
Fabricante de tinta dá uma nova roupagem a seu próprio lema

Fabricante de tinta dá uma nova roupagem a seu próprio lema

A InkTec, fabricante de tintas digitais, revelou seu novo slogan, que destaca a visão da empresa em ser líder em aplicações com tecnologia a jato de tinta.

Anunciado na primeira semana de janeiro, o slogan “Digital Inkjet Frontier” foi elaborado para substituir o lema anterior, “Printing Consultant”.

Jerry Kim, diretor de negócios da InkTec, declarou: “Como fabricante de tinta inkjet e fornecedora das impressoras Jetrix, a InkTec está posicionada para liderar o mercado. O novo slogan reflete nossa visão, nosso desempenho e, mais importante, nosso compromisso com os clientes”.

Fonte: InkTec