Cobertura Serigrafia Sign 2013 – Parte 6: Sublimação, transfer e fotoproduto

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 06/08/2013

A sublimação está em alta — e a feira Serigrafia Sign 2013 mostrou isso. No evento, vários expositores ofereceram muitas soluções aos interessados na tecnologia. Proporcionalmente (em abundância), o público respondeu mostrando as suas demandas, procurando e investindo em produtos e equipamentos sublimáticos. Isso porque a sublimação (assim como o transfer) é versátil, fácil de operar e não exige grandes montantes para começar um negócio. Além disso, ela pode ser aplicada em diversos segmentos, como o têxtil, promocional, esportivo, entre outros.

Acompanhe a seguir um panorama dos substratos, maquinários, tintas e papéis para sublimação e transfer que foram apresentados na edição de 2013 da feira Serigrafia Sign.

Leia também as demais partes dessa cobertura:
1ª: Impressoras digitais
2ª: Corte, gravação e acabamento
3ª: Mídias, tintas e softwares
4ª: Números, eventos e parcerias
5ª: Acessórios para comunicação visual
 
Acompanhe a sexta parte (sobre sublimação) da cobertura que o InfoSign fez da feira Serigrafia Sign 2013

Acompanhe a sexta parte (sobre sublimação) da cobertura que o InfoSign fez da feira Serigrafia Sign 2013

A Metalnox aproveitou a feira para mostrar equipamentos recém-lançados, como a prensa PTA 750 Evolution (pneumática de bancada) e a calandra CMC 1800 (que sublima de 1,1 a 5,7 metros por minuto). A fornecedora também expôs outras soluções de seu portfólio, que contém prensas planas, automáticas e semiautomáticas, para calçados, jeans e canecas, entre outros produtos.

O estande da Smaltato também surpreendeu o visitante interessado em prensas. A empresa levou dispositivos para sublimação, como o SubliventPro A3 e o SubliMini A4, que trabalham com materiais 3D.

Outra empresa que apostou nas prensas foi a Mogk, que vende uma série de máquinas manuais como a PTM-40 (com área útil de 40 x 50cm) e a PTM-72 (área de 72 x 52cm). A fabricante também comercializa prensas semiautomáticas (como a PTP-660) e a PTA-4000 (com acionamento pneumático).

A Termopress apresentou uma série de prensas térmicas para bonés e prensas planas como CP 1M, com área útil de 300 x 350mm.

Entre as prensas mais populares, estavam as máquinas para transferência térmica em canecas

Entre as prensas mais populares, estavam as máquinas para transferência térmica em canecas

Já a Chigueto expôs prensas manuais e pneumáticas (de diversos formatos e modelos). Além disso, a empresa mostrou prensas para displays, bonés e bottons.

Entre as máquinas mostradas pela Flock Color, estavam as prensas térmicas manuais e pneumáticas. A fornecedora tem soluções com duas mesas móveis, controle digital de temperatura e teflon no esticador da chapa.

Outra empresa a comparecer no evento foi a Prism, cujo catálogo de produtos contém diversas prensas, como as multifuncionais ECH800 e JTSD69. Além disso, a fornecedora vende substratos e objetos para transferência e fotoproduto, como squeezes, pratos, mouse pads, azulejos, camisetas, bonés e canecas (cilíndricas e cônicas).

Além de prensas (planas, para canecas e multiuso), a IS Suprimentos apresentou uma vasta série de fotoprodutos, como capas para smartphones, pratos, sacolas, chinelos, entre outros materiais.

Muitos expositores apresentaram kits completos para interessados em sublimação

Muitos expositores apresentaram kits completos para interessados em sublimação

Já a Midiasprint apresentou placas de PVC e substratos como canecas e squeezes, para quem trabalha com transferência térmica. Também levou prensas planas e multifuncionais.

A Colorkit foi à feira para mostrar a sua linha de materiais para sublimação, como xícaras, copos e canecas personalizáveis. Também levou prensas como a Colorkit 3D, indicada para quem trabalha com objetos e substratos com superfícies côncavas e cantos arredondados, como capas de smartphones.

A Art Hot também esteve no evento. No estande da marca, o visitante pôde conferir e comprar materiais e equipamentos para transfer e sublimação, como prensas térmicas, papéis para transferência e diversos substratos, como chaveiros, canecas, entre outros brindes e fotoprodutos.

Outra empresa especializada em fornecer produtos para sublimação é a F1 Suprimentos, que marcou presença na Serigrafia Sign 2013. Além de canecas, impressoras digitais e prensas térmicas, a expositora mostrou seus kits, como o Super Chance 8×1, que contém máquinas e suprimentos para quem quer personalizar pratos, bonés, camisetas, chinelos, canecas, entre outros materiais.

Prensas especiais, para sublimação em objetos, também foram apresentadas

Prensas especiais, para sublimação em objetos, também foram apresentadas

Ainda na seara da sublimação, esteve a Gaúcho Br, que expôs itens como prensas térmicas, papéis transfer e substratos como canecas e squeezes.

Já a Nova Dampex apresentou papéis transfer para impressoras laser, que podem ser aplicados em diversos tipos de fotoprodutos e brindes, como canetas, canecas, bonés e camisetas. A empresa também levou a sua prensa modular, que permite a transferência de imagens em diversos objetos e substratos.

Entre os fornecedores de tintas sublimáticas na feira, estava a J-Teck, que comercializa os insumos J-Next, utilizadas em impressoras de grande formato de várias marcas (Roland, Epson, Mimaki, entre outras).

A Havir também expôs no evento. Entre seus produtos, estavam papéis para sublimação digital e papéis para transfer impresso em processos como offset, rotogravura, flexografia e serigrafia.

O visitante interessado em papéis para sublimação pôde conferir alguns modelos no estande da Cinco Estrelas, como o papel monolúcido branco vendido em bobinas com diversas larguras.

Além de prensas, expositores mostraram calandras para sublimação

Além de prensas, expositores mostraram calandras para sublimação

A Paintcolor também ofereceu papéis sublimáticos resinados (formatos A3 e A4), papéis transfer e diversos substratos e objetos personalizáveis: mouse pads, almofadas, chinelos, entre outros.

Já a Embaplan levou o Power Film, uma película transfer usada para personalização de camisetas, uniformes e artigos de vestuário. O trabalho com o filme exige a utilização de plotters de recorte e prensas térmicas.

E quem procurava camisetas de poliéster para sublimação, encontrou no estande da Gramonn várias peças em diversas cores, para aplicações como campanhas, eventos, uniformes para empresas, publicidade, entre outras.



Roland DG passa a oferecer ensino a distância

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 25/08/2015
Roland Academy Online foi apresentando na feira Serigrafia Sign 2015

Roland Academy Online foi apresentando na feira Serigrafia Sign 2015

Entre as novidades que a Roland DG Brasil levou para a feira Serigrafia Sign 2015 estava o Roland Academy Online. Lançada com exclusividade no evento, a versão on-line da ferramenta de treinamentos pode ser utilizada por todos os clientes da fabricante.

A Roland DG já oferecia a forma presencial de treinamentos, que são realizados no showroom da empresa e contam com especialistas preparados para esclarecer dúvidas e demonstrar as funções dos produtos.

Anderson Clayton, Chief Business Development Officer, declarou: “Sabemos que temos uma marca sólida e consagrada pela qualidade de nossos equipamentos. Porém, durante a edição de 2015 da Serigrafia Sign confirmamos que também somos reconhecidos como uma empresa que prima pelos serviços oferecidos. E quem decide por um equipamento Roland DG afirma que este é o fator que faz a diferença na escolha. É assim que queremos nos colocar: como um parceiro, que trabalha junto, que busca novas soluções para o negócio de cada cliente ”.

O projeto Roland Academy Online adota o modelo de ensino a distância (EAD), que se transformou nos últimos anos em uma das principais opções de aprendizado educacional e empresarial.

O crescimento mundial dos Learning Management System (Sistema de Gestão do Aprendizado) confirma que o ensino a distância foi incorporado ao mundo corporativo. Atualmente, 77% das empresas norte-americanas oferecem esse modelo de treinamento para melhorar o desenvolvimento profissional de seus colaboradores. Já no Brasil, a perspectiva é dobrar o número de alunos em cinco anos, segundo a Associação Brasileira de Ensino a Distância (Abed).

Fonte: Roland DG Brasil



Epson SureColor S30670 chega ao Brasil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 03/11/2012

Empregando cabeça de impressão Micro Piezo® TFP e tintas UltraChrome® GS2, a nova Epson SureColorTM S30670 é novidade para as empresas de sinalização, adesivação e fotografia.

"Começamos com a Epson Stylus® Pro GS6000. Agora, evoluímos para a SureColor S30670, que eleva o nível de qualidade e tecnologia", explicou Evelin Wanke, especialista de grandes formatos da Epson.

Epson SureColor S30670, ecossolvente chega ao Brasil

A impressora usa cartuchos de 700ml, para impressão da paleta padrão (CMYK). Segundo a fabricante, as tintas não contêm níquel (Ni) — o que diminui riscos à saúde dos operadores — e não requerem secadores externos, ventilação especial ou sistemas de exaustão. Ainda de acordo com a Epson, a tinta amarela promete durabilidade de até três anos em ambientes externos (e sem laminação).

No modo de operação "rascunho", a SureColor S30670, que tem 1,6m de largura de impressão, trabalha na velocidade de 57,5m2/h. Sua tecnologia opera com gotas de 4,2 picolitros.

O sistema motorizado de suporte, que se encontra na parte posterior, aguenta rolos de até 40kg. Além disso, pode-se adquirir um acessório para suportar rolos de até 68kg. O design sem eixo e o sistema manual Epson LiftAssist facilitam o carregamento de substratos. E o novo painel (LCD) é totalmente em cores, para facilitar o acesso dos controles de impressão.

Fonte: Epson Brasil. Texto: InfoSign