Caldera lançará versão 11 de software homônimo na SGIA 2016

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 05/09/2016
Lançamento do Caldera V11 faz parte das comemorações de 25 anos da empresa

Lançamento do Caldera V11 faz parte das comemorações de 25 anos da empresa

A Caldera estará na SGIA 2016, feira de impressão digital que ocorre entre os dias 14 e 16 de setembro, em Las Vegas, EUA. Durante o evento, a empresa promete lançar a versão 11 do software RIP homônimo. Um dos diferenciais da nova edição do aplicativo é a incorporação do Adobe PDF Print Engine (APPE 4), tecnologia de processamento que melhora o desempenho de impressoras de grande formato por meio de avanços no gerenciamento de cache, memória e configurações técnicas. Além de incluir o gerenciamento de 127 cores especiais simultaneamente, o APPE é capaz de processar padrões e máscaras com maior precisão.

Compatível com macOS Sierra, o Caldera V11 vem com novas ferramentas, como a True Bleed, com a qual pode-se clonar pixels em torno das bordas das imagens para criar acabamentos melhores. A ferramenta também pode ser combinada com opções de nesting disponíveis em pacotes como o GrandRIP+, VisualRIP+, TextilePRO e várias outras soluções OEM.

Outra ferramenta é a Sync & Deploy, que possibilita rodar as mesmas configurações de um mesmo RIP em diferentes impressoras e ambientes. Isso reduz o tempo de instalação de software, e os dados mais críticos, como perfis ICC e predefinições de cores, podem ser compartilhados de maneira mais amigável. Quando o Caldera V11 for lançado, a desenvolvedora também fornecerá um aplicativo que calcula os recursos de hardware necessários para o ambiente de produção.

O Caldera V11 também emprega o OpenCL (Open Computing Language), que aumenta o poder de processamento por meio de implantação automática na CPU e na GPU, o que maximiza a interação da arquitetura da Caldera com os componentes centrais das máquinas.

Segundo a empresa, as ferramentas do Caldera V11 poderão ser usadas para criar ambientes de produção baseados em um único modelo de impressora. Por exemplo, para determinada empresa pode ser mais interessante adquirir algumas unidades de um mesmo tipo de equipamento com largura de 1,6m em vez de investir em uma máquina maior, com 3,2m.

Fonte: Caldera



Mimaki anuncia tinta UV transparente

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/10/2018
LUS-170 é indicada para equipamentos da série UCJV300

LUS-170 é indicada para equipamentos da série UCJV300

A fabricante Mimaki anunciou no mercado internacional o lançamento da LUS-170, tinta UV transparente desenvolvida para impressoras da série UCJV300. Com o insumo, é possível produzir impressões de valor agregado com texturas especiais.

As impressoras da série UCJV300 podem vir com a tecnologia MCC (Mimaki Clear Control), desenvolvida especificamente para a impressão de tinta UV transparente. O mecanismo oferece dois modos de produção: acabamento brilhante e acabamento fosco.

O software RasterLink6Plus, que roda as impressoras UCJV300, oferece a biblioteca de texturas Artist UV, que possui 129 amostras no Adobe Illustrator. São texturas como a Basic (usada para vários fins), a Artistic (com motivos e símbolos florais) e a Modern (com efeitos visuais).

Fonte: Mimaki



Seminários de gerenciamento de cores em estamparia digital têxtil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/08/2016
X-Rite promove em agosto treinamentos de impressão digital em tecidos

X-Rite promove em agosto treinamentos de impressão digital em tecidos

A X-Rite Pantone, desenvolvedora de soluções para controle de cores, e a Engecolor, distribuidora de Santa Catarina, realizarão em agosto dois seminários sobre processos de controle de cor na produção de tecidos.

No dia 10 de agosto, das 10h às 11h30, será ministrado o seminário “Gerenciamento de cor na impressão digital”, que tem como público-alvo designers e gestores de impressão digital em tecidos. O valor da inscrição é de 50 reais. Para se inscrever, o interessado deve acessar este link.

No mesmo dia, das 13h às 15h30, ocorre o seminário “Controle de qualidade de cor no beneficiamento têxtil”, no qual serão abordados temas como processos e ferramentas para garantir cores fiéis e de alta qualidade visual na produção de tecidos. A participação é gratuita. Porém, é necessário confirmar vaga antecipadamente neste link.

Ambos os eventos acontecem no Senai de Blumenau (SC), localizado na rua São Paulo, 1147, em paralelo à Febratex 2016.

Como soluções para gerenciamento de cores para o segmento têxtil, a X-Rite oferece a linha de espectrofotômetros de mesa da série Color i7, composta pelos modelos Ci7600 e Ci7800. Ambos são instrumentos de bancada para captura e medição de cores especialmente criados para o segmento têxtil.

Fonte: X-Rite Pantone