Caldera lança Flow+ 2.0

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 25/09/2013

Nova versão de software vem com aprimoramentos, como inteface mais intuitiva

Nova versão de software vem com aprimoramentos, como inteface mais intuitiva

A Caldera, desenvolvedora de softwares gráficos, lançou a versão 2.0 do Flow+, aplicativo de fluxo de trabalho para impressão digital. Reformulado, o programa conta com interface e ferramentas aperfeiçoadas, como a Real Time Statistics, que apresenta informações sobre o status dos trabalhos produzidos.

Além disso, o software gera gráficos que auxiliam gerentes a monitorar e avaliar os trabalhos em produção. Outro componente é o módulo de planejamento, que ajuda a maximizar a eficiência dos equipamentos e recursos da sala de impressão.

Desenvolvido para que o usuário controle todos os processos (do orçamento à entrega do trabalho), o Flow+ 2.0 é compatível não só com soluções da Caldera, mas também com softwares RIP de outros fornecedores.

Serge Clauss, gerente de vendas da Caldera, declarou: "Atualmente, há uma nova geração de impressoras de grande formato muito rápidas, e o novo Flow+ busca interagir com elas".

Fonte: Caldera



Kern Systems anuncia nova fonte de laser de 250W

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/07/2014

Equipamento é a nova máquina a laser flatbed da Kern

Nova fonte de laser pode cortar uma série de materiais rígidos

A Kern, fabricante norte-americana de equipamentos de corte e gravação, lançou no mercado internacional uma fonte de laser de 250W, capaz de cortar materiais como aço, aço inoxidável, espuma, acrílico, bem como madeira de espessura de até uma polegada.

Segundo a Kern, a fonte de 250W foi recém-adicionada ao portfólio da empresa e dá aos clientes uma opção que fica entre os lasers de 150W e 400W. Além disso, ela é mais brilhante e mais barata que a fonte de 400W, e mesmo assim é capaz de cortar acrílicos, aço e alumínio.

O usuário do laser de 250W tem dois anos de garantia.

Fonte: SGIA



Novo equipamento para manutenção de cabeças de impressão

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 03/08/2015
Print Head Doctor 11 é totalmente automatizado e pode ser controlado por meio de dispositivos móveis, como celulares e tablets

Print Head Doctor 11 é totalmente automatizado e pode ser controlado por meio de dispositivos móveis, como celulares e tablets

A Digital Sign, fornecedora de dispositivos de impressão digital, lançou no mercado internacional a versão 11 do Print Head Doctor, equipamento para limpeza, desentupimento, manutenção e recuperação de cabeças de impressão inkjet.

De acordo com a empresa, a máquina oferece controles intuitivos, realiza diagnósticos e permite a execução de ciclos de recuperação e limpeza personalizáveis. Além disso, pode ser operada por aplicativo de dispositivos com sistema Android.

A fornecedora também comercializa as versões 12 e 13 do Print Head Doctor. A décima segunda oferece controle automático de pressão e temperatura do fluido de limpeza. Segundo a empresa, o dispositivo cria maior fluxo e permite limpeza de mais de uma cabeça por vez.

Além de incluir todas as funcionalidades do modelo 12, a versão 13 do Print Head Doctor oferece opção de direcionar o fluxo de fluidos em quatro saídas diferentes. Sem alterar as configurações das cabeças de impressão, a máquina executa vários ciclos de limpeza em modo completamente autônomo. Trata-se de um equipamento desenvolvido para usuários mais avançados que procuram recuperar grande volume de cabeças de impressão e com intervenção mínima do operador.

Fonte: Digital Sign Technologies Inc.