Brasil ganha novo fornecedor de materiais para sinalização e comunicação visual

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/07/2017
Cosign apresentou seu portfólio na feira Serigrafia Sign 2017

Cosign apresentou seu portfólio na feira Serigrafia Sign 2017

A Cosign aproveitou a feira Serigrafia Sign 2017 para anunciar sua chegada oficial ao Brasil. Desenvolvedora e fabricante de sistemas e displays para sinalização arquitetônica, a empresa belga atua desde 1993 no mercado internacional de comunicação visual, por meio de plantas na Europa, México, Índia e Hong Kong.

Entre seus principais produtos estão sistemas de sinalização modular, sistemas de molduras de alumínio para fabricação de painéis com tecido impresso, displays de comunicação visual e sistemas para fabricação de placas iluminadas que dispensam soldas e estruturas metálicas. Segundo a empresa, os materiais estão à disposição para pronta-entrega e frete grátis para todo o Brasil para pedidos acima de R$1.000,00.

Igor Lago, diretor comercial da Cosign Brasil, declarou: “Na Serigrafia Sign 2017, mostramos aos signmakers que é possível ter acesso ao que há de mais moderno na comunicação visual a um preço super acessível. A partir do evento, queremos nos tornar a principal referência no Brasil para signmakers que queiram se diferenciar, melhorar suas margens e aumentar a produtividade da sua empresa”.

Outra novidade destacada pela empresa é a mesa laminadora Rolls Roller. De fabricação sueca, o equipamento produz laminações sem bolhas e mais rápidas que trabalhos manuais.

Fonte: Cosign



VP Máquinas lança dobradeira de acrílico adaptada a deficientes

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 25/05/2014

Dobradeira foi apresentada na feira Serigrafia Sign 2014

Dobradeira foi apresentada na feira Serigrafia Sign 2014

A VP Máquinas anunciou o lançamento da DVP 1000 Especial, dobradeira de acrílico adaptada para pessoas com deficiências ou que possuem impedimentos para ficar em pé. Cadeirantes, idosos e obesos podem se beneficiar da novidade.

Com 1m de comprimento, a máquina apresenta ajustes de altura, fio para efetuar dobras mais perto do operador e abertura central que permite ao operador trabalhar sentado.

Ana Paula Paschoalino, diretora comercial da VP Máquinas, comentou: "A dobradeira atende quem deseja começar seu próprio negócio e estimula o empresariado a contratar profissionais ávidos a produzir mas que, infelizmente, se mantêm à margem do mercado de trabalho".

A máquina dobra materiais termoplásticos como PSAI, poliestireno, acrílico, alveolar, PVC expandido, PETG e policarbonato, com espessuras de 0,5mm a 20mm. A partir da dobradeira podem ser criados produtos como displays, placas, porta-treco, luminárias, móveis, estantes, cadeiras, porta-guardanapo e brindes.

Segundo a empresa, a estrutura da máquina é de madeira cortada em serra eletrônica e não emprega cola. Os pedaços, 20 ao todo, são encaixados e parafusados. Depois é instalada a central de controle e o fio de metal.

Fonte: VP Máquinas



Novajet 1602S pode vir com uma ou duas cabeças de impressão

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 29/07/2015
Novajet 1602S pode vir com uma ou duas cabeças de impressão

Novajet 1602S pode vir com uma ou duas cabeças de impressão

A Akad, fornecedora nacional de materiais e equipamentos para comunicação visual, anunciou o lançamento da Novajet 1602S, impressora de grande formato que pode trabalhar com tinta sublimática ou ecossolvente.

Com largura de 1,50m, a máquina imprime com resolução de até 1400dpi e pode empregar uma ou duas cabeças Epson DX7. Quando adquirida com duas peças, o equipamento produz em velocidade de até 62m²/h (no modo 360 x 1080dpi, com três passadas). Quando adquirida com uma cabeça de impressão, imprime com velocidade máxima de 31m²/h (no modo 360 x 1080dpi com três passadas).

A Novajet 1602S possui sistema de alimentação rolo a rolo, rebobinador de mídia (take-up) e sistema automático de limpeza das cabeças de impressão.

Com tinta sublimática, o equipamento pode estampar tecidos de poliéster, para aplicações como moda praia, cortinas, painéis, roupas esportivas, estofados e decoração de ambientes. Já com insumo ecossolvente, a máquina pode imprimir em banners, faixas, adesivos, painéis, vinis para envelopamento de carros, rótulos, entre outros substratos.

Fonte: Akad