Barbieri lança solução de gerenciamento de cores para estamparia têxtil

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 06/05/2019
Spectro LFP qb Textile Edition é espectrofotômetro para medir cores em tecidos

Spectro LFP qb Textile Edition é espectrofotômetro para medir cores em tecidos

A Barbieri, fornecedora de soluções eletrônicas, apresentou no mercado internacional o Spectro LFP qb Textile Edition, espectrofotômetro para gerenciamento de cores em tecidos estampados digitalmente.

De acordo com a empresa, para medir as cores de um tecido estampado, ele deve ser fixado em uma superfície uniforme e com o apoio branco. Porém, há muita dificuldade nesse procedimento. Isso porque, durante as medições, o tecido acaba se distorcendo e fazendo com que a medição automatizada não seja possível. Para esse transtorno, a Barbieri desenvolveu o Spectro LFP qb Textile Edition. Ele garante uma fixação fácil e segura do tecido e mede de forma automática. Para tanto, novos suportes têxteis foram criados para a fixação. Além disso, o dispositivo vem com um sistema de sopro de ar que impede que fibras têxteis contaminem a óptica.

Ainda segundo a empresa, o novo recurso mais importante é o sistema de reconhecimento automático de patches, compostos por algoritmos especiais e unidade de detecção. Uma vez conhecidas as coordenadas de cada patch, o dispositivo inicia as medições e os gráficos, mesmo distorcidos, serão medidos de forma totalmente automática.

Com abertura de medição de até 8mm e geometria 45°/0°, o novo espectrofotômetro da Barbieri também é capaz de medir tintas fluorescentes na impressão têxtil.

Fonte: Barbieri



Agfa lança impressora UV LED Jeti Ceres RTR3200

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 17/01/2017
Indicada para imprimir mídias em bobinas, Jeti Ceres RTR3200 tem 3,2m de largura

Indicada para imprimir mídias em bobinas, Jeti Ceres RTR3200 tem 3,2m de largura

A fabricante Agfa anunciou o lançamento da Jeti Ceres RTR3200, impressora rolo a rolo UV LED com 3,2m de largura. Indicada para produção de médias e grandes tiragens, a máquina pode estampar em um ou dois rolos simultaneamente a uma velocidade de 186m²/h.

Em função da cura LED e das tintas UV originais da Agfa, a Jeti Ceres pode imprimir em mídias sensíveis ao calor, o que abre novas oportunidades de negócios e permite reduzir custos. Além disso, a máquina vem equipada com circulação de tinta branca, o que aumenta as possibilidades de impressão sobretudo em mídias backlit e com imagens tanto na frente quanto no verso.

A Jeti Ceres oferece a opção de aplicação de um primer especial. Ou seja, a máquina imprime automaticamente uma fina camada do insumo antes de depositar as tintas. Esse procedimento cria uma camada com a tensão superficial ideal para o recebimento da impressão. Além de evitar retrabalhos, o primer aumenta a produtividade e garante a qualidade das imagens.

O Asanti, software de fluxo de trabalho de grandes formatos, vem incluso no sistema da Jeti Ceres. Com o aplicativo, é possível gerenciar todas as etapas de pré-impressão, produção e acabamento. O Asanti também é compatível com o PrintSphere, serviço em nuvem que padroniza o fluxo de informações entre clientes, colaboradores, departamentos e outras soluções da própria Agfa, o que melhora o compartilhamento de arquivos e aumenta a segurança do fluxo de dados.

Fonte: Agfa



EFI lança impressora têxtil Reggiani Colors na ITM 2018

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 19/04/2018
Reggiani Colors é a quarta impressora têxtil lançada pela EFI

Reggiani Colors é a quarta impressora têxtil lançada pela EFI

Durante a ITM 2018, feira internacional que ocorreu entre os dias 14 e 17 de abril, na Turquia, a fabricante EFI anunciou a Reggiani Colors, impressora digital têxtil que estampa nas larguras de 180mm, 240mm e 340mm.

Capaz de imprimir na velocidade de 560m2/h, o equipamento pode empregar tintas especiais e de diferentes tipos químicos, em configuração de 12 cores ou de 6 cores duplicadas (para aumentar a produtividade). Além disso, conta com um sistema de recirculação contínua de tinta, que reduz a necessidade de limpezas.

A empresa também destacou que a Reggiani Colors emprega cabeças com design simplificado e eletrônica proprietária, que reduzem o tempo de configuração e agilizam as tarefas de manutenção. Outro diferencial é o software desenvolvido especificamente para a impressora, capaz de processar imagens em tempo real, o que melhora o desempenho do fluxo de trabalho.

Além de impressoras digitais, o ecossistema de estamparia têxtil da EFI inclui tecnologias para ajudar os clientes a produzir tanto tiragens em escalas industriais quanto amostras e pequenos lotes.

O ecossistema inclui o EFI Fiery Textile Bundle, que combina tecnologias para design, preparação de arquivos gerenciamento de cores e saída RIP em impressoras Reggiani. O pacote agrega o Fiery DesignPro, que oferece ferramentas de criação de projetos profissionais, padrões de repetição contínuos, bibliotecas de cores, entre outros recursos. Outro software do ecossistema é o EFI Optitex, que permite a criação de roupas digitais 3D realistas.

Fonte: EFI