Avery inaugura fábrica na China

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 08/05/2018
Instalação tem linha de revestimentos mais avançadas do mundo

Instalação tem linha de revestimentos mais avançadas do mundo

A Avery Dennison, fabricante de películas adesivas, inaugurou uma fábrica dedicada a emulsão e hot melt, na província de Jiangsu, China.

O empreendimento multimilionário, que demorou 18 meses para ser criado, conta com uma linha de revestimentos e áreas de acabamento e armazém, instaladas em uma planta com 14.000 metros quadrados.

Criada para expandir a capacidade de produção da Avery Dennison, a nova fábrica incorpora a mais avançada tecnologia de processos da empresa, além de conter uma das linhas de revestimento de adesivos sensíveis à pressão mais automatizadas e eficientes do setor.

Ao otimizar tanto o desempenho ambiental quanto a eficiência energética, a instalação recebeu a certificação LEED Silver, da LEED (Leadership in Energy and Environmental Design). A fábrica também possui certificações de qualidade ISO 9000, ISO 14000, RoHS, FSC e OSAS.

Fonte: Avery



Museu londrino usa sinalização digital em mostra

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 26/11/2012

As mídias de sinalização digital já fazem parte do nosso cotidiano, não apenas em cafés e restaurantes, mas em locais como museus e galerias. Prova disso é uma recente mostra realizada no Victoria and Albert Museum, de Londres (Inglaterra).

Para a exibição "British Glamour Since 1950", o museu fez uma instalação inusitada: contou com projetores Projectiondesign F32 para apresentar imagens na parte superior das quatro alcovas do ambiente (construído na segunda metade do século XIX, o edifício conta com formas abaloadas em seu interior).

O sistema desenvolvido pela Sysco em parceria com a Electrosonic usou o software Watchout (da Dataton), para ajustar as imagens projetadas.

"As alcovas do museu têm curvaturas que produzem uma superfície de projeção incomum, por causa disso foi preciso deformar as imagens projetadas, para que elas casassem perfeitamente com o ambiente".

Para Fredrik Svahnberg, diretor da de marketing da Dataton, essa foi uma boa oportunidade para mostrar o quanto a sinalização digital pode enaltecer um local público: "Estão usando a nossa tecnologia como um meio de explorar a beleza da arquitetura", concluiu.

Uma das dificuldades da instalação foi projetar imagens nas superfícies curvas dos ambientes internos do museu

Uma das dificuldades da instalação foi projetar imagens nas superfícies curvas dos ambientes internos do museu

Fonte: ScreenMedia. Texto: InfoSign



Epson lança no Brasil impressoras da Série T

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 01/08/2014

Impressoras da Série T são indicadas para o mercado técnico e possuem cabeças de impressão fixas

Impressoras da Série T são indicadas para o mercado técnico e possuem cabeças de impressão fixas

A Epson, fabricante de impressoras digitais, lançou no Brasil a linha SureColor Série T, composta pelos modelos T3070, T5070 e T7070. Os equipamentos são indicados para escritórios de engenharia e arquitetura, prestadores de serviço de impressão, empresas da área de construção e agentes do ramo de construção e imobiliário. A única diferença entre os modelos é a largura de impressão: T3070 (24"), T5070 (36") e T7070 (44").

As máquinas, que reproduzem mapas, documentos, projetos e imagens com linhas finas, oferecem precisão microscópica, trabalham com substratos de tamanho A1 e imprimem em até 25 segundos.

Com cabeças de impressão fixas, os equipamentos dispensam trocas constantes, o que reduz custos de manutenção e tempo de ociosidade. Isso possibilita economia de até 59% no custo de novas cabeças.

As impressoras da Série T possuem painel de controle LCD e empilhador automático que organiza até 20 impressões em papel comum. Outro diferencial da nova linha é o carregamento frontal de tinta e papel.

Os equipamentos contam com 4 cores, resolução máxima de 2880 x 1440dpi, tecnologia Micro Piezo (de 3,5 picolitros) e sistema de tinta com resistência a manchas, água e desbotamento.

Fonte: Epson Brasil