Ampla anuncia novo sócio-diretor

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 20/03/2018
Sócios-diretores da Ampla: Sidnei Marques (Operações), Ricardo Augusto Lie (Negócios) e Adriano Coelho (Técnico)

Sócios-diretores da Ampla: Sidnei Marques (Operações), Ricardo Augusto Lie (Negócios) e Adriano Coelho (Técnico)

A Ampla, fabricante brasileira de impressoras de grandes formatos, anunciou seu novo sócio-diretor, Sidnei Marques, e consolida o processo de profissionalização da gestão pelo qual vem passando nos últimos anos.

Desde 2014 na direção da empresa, Marques contribuiu com a incorporação de melhores práticas de mercado e de governança corporativa. O executivo assume a gestão da Ampla com os sócios-fundadores, Ricardo Augusto Lie (diretor de Negócios) e Adriano Coelho (diretor Técnico). Trata-se de mais uma etapa do processo sucessório planejado por Lie Tji Thjun, sócio-fundador que passou o bastão da gestão executiva da empresa para o novo trio de diretores.

Com bagagem em engenharia e desenvolvimento de produtos adquirida em empresas como Nissan e Peguform, Marques trabalhou também como consultor em diversas organizações privadas e governamentais. Atuou ainda como vice-presidente de projetos especiais do PMI (Project Management Institute).

Exultante, Marques declarou: “A nova posição na empresa fortalece ainda mais meu entusiasmo com a profissionalização da gestão e meu comprometimento com os resultados da Ampla. A competência, a dedicação e o profissionalismo de Ricardo Lie e Adriano Coelho, em suas respectivas áreas de atuação, são a garantia de que a nossa diretoria está no caminho certo para consolidarmos a empresa, cada vez mais, como um dos maiores e melhores players do setor, priorizando sempre a satisfação e o sucesso de nossos clientes”.

Fonte: Ampla



Ritrama reorganiza seu portfólio de mídias

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 24/06/2019
Mudança simplifica as linhas de películas para impressão digital oferecidas pela empresa

Mudança simplifica as linhas de películas para impressão digital oferecidas pela empresa

A fabricante Ritrama anunciou ter reorganizado suas linhas de mídias para impressão digital. Depois da mudança, as películas passaram a ser divididas em quatro famílias: Veículos, Arquitetura, Sinalização e Funcional.

A família Veículos inclui produtos para a decoração total ou parcial de qualquer tipo de automóvel. A família Arquitetura é composta por soluções autoadesivas para projetos promocionais e decoração de superfícies (janelas e paredes) em edifícios comerciais e privados. A família Sinalização oferece ampla gama de filmes para a personalização de letreiros, outdoors, totens, displays, entre outras aplicações de comunicação visual. E a família Funcional inclui películas para laminação, montagem, proteção e aplicação de impressos de grande formato.

Para que os clientes identifiquem facilmente os produtos, a Ritrama desenvolveu três ferramentas: o catálogo (com conteúdo renovado, contém tabelas informações técnicas sobre os filmes), o site (com novo menu de aplicativos) e o seletor de produtos (para smartphones e tablets, permite escolher a solução mais adequada).

Efrem Almiento, gerente de marketing do Grupo Ritrama, declarou: “A Ritrama criou materiais de comunicação que facilitam a navegação em nossa ampla gama de produtos. De acordo com aplicação desejada e da duração esperada, nossos clientes terão indicações dos produtos mais adequados, para que escolham a melhor solução. Essas novas ferramentas são off-line e on-line, e o seletor de produtos, para smartphones, pode ser usado diariamente”.

Fonte: Ritrama



Sinalização digital: BMW monta janela para o futuro

Por Luiz Ricardo Emanuelli em 19/12/2012

Entre a Rua 42 e a Sexta Avenida, em frente ao Bryant Park, na cidade de Nova York (EUA), a BMW montou uma janela inteligente, que "refletia" o futuro dos carros que passavam em frente a ela.

A "BMW i Window Into The Near Future" (algo como "A janela BMW do Futuro Próximo") transformava digitalmente os veículos que passavam pela rua em carros-conceito BMW i3 (elétrico) e BMW i8 (híbrido).

Chamando a atenção até mesmo dos incautos, a sinalização digital usou películas adesivas e vários dispositivos de alta tecnologia: três câmeras, um aplicativo de rastreamento de carros, aparelhos para detecção de movimento e projeções de 80.000 lumens.

A janela também contava e mostrava a quantidade de carros que passavam. Em uma semana, 248.368 veículos foram transformados digitalmente.

O objetivo da ação foi apresentar a visão da fabricante alemã sobre o futuro sustentável da mobilidade. No vídeo da campanha (ver abaixo), a BMW mostra que, se todos os carros que passaram pela janela fossem realmente os veículos-modelo  (e elétricos), seriam economizados 493.507.216 dólares de gasolina, e haveria a redução de 1.324.919 toneladas de CO2 por ano.

Fonte: Digital Signage Today. Texto: InfoSign